Carnaval 2016: um desfile de magia para um público mágico

10/02/2016 08:06 - Modificado em 10/02/2016 08:06
| Comentários fechados em Carnaval 2016: um desfile de magia para um público mágico

cruzeiros1Quatro grupos, quatro temas, quatro baterias, quatro músicas de carnaval, todos diferentes mas ao mesmo tempo similares em termos de objectivos. O desfile oficial do carnaval de São Vicente aconteceu este ano, com uma pontualidade quase certeira, sendo que o evento estava agendado para as 15 horas.

Uma hora da tarde e a cidade já começa a ganhar vida para depois   arrastar para o centro milhares de pessoas curiosas para verem qual grupo está mais bonito e fazerem as suas apostas para no final verem quem tinha razão.
A multidão é compacta por volta das duas. Uma hora antes do início do desfile oficial, mas a presença não é em vão porque estão a desfilar diversos grupos espontâneos para o entretenimento dos presentes.

Meia hora depois, surge a Marcha dos Amigos da tia Nené, a dar o azo a festa mais colorida de Cabo Verde. Depois vão aparecendo cada vez mais pessoas e na hora dos desfiles o mar de gente enche todo o trajecto da cidade a espera da passagem dos grupos.

Cruzeiros do Norte, com o tema, “volta ao mundo em 80 loucuras”, foi o primeiro grupo a desfilar esta terça-feira no “sambódromo” do Mindelo. Com dois carros alegóricos e um desfile a fazer jus ao tema, o grupo tricampeão de carnaval de São Vicente deu um bom espectáculo de folia, com muito brilho e cor nas suas diferentes alas.

Seguindo-se depois, Flores do Mindelo, com o tema: “Tira-me da rua, ninguém é superior a ninguém” teve um desfile modesto, o grupo que no ano passado ficou em último lugar da tabela procurou com os poucos foliões demonstrar aos mindelenses que apesar das dificuldades financeiras enfrentadas desde do início dos preparativos conseguiria fazer a festa. Com uma rainha de bateria, que no ano passado conseguiu arrecadar o prémio de Rainha de bateria do carnaval 2015. Aliás foi o único grupo a manter a sua musa de bateria.

Sendo o terceiro grupo a desfilar, o grupo de Monte Sossego foi um dos grupos mais cativantes do público, tendo em conta a  reacção logo a entrada da avenida principal. Foi um dos grandes aplaudidos da tarde. Com muito mais foliões que qualquer outro grupo foi o que mais demorou a fazer a volta. Com três carros alegóricos e com diversas alas, com muito brilho e cor, o grupo é um dos apontados para a vitória. Resultado que sairá hoje, quarta-feira das cinzas.

O campeão do carnaval de 2015, com o tema “Globalização”, fechou o desfile por volta das 19:30 e este ano voltou com os postos na conquista do bicampeão, com também três carros alegóricos e muito brilho e cor, aliás como se pode notar é o ingrediente a não faltar no carnaval.

Finalizando o desfile, os grupos praticamente se “desintegraram”, com os seus atores a seguir depois cada um ou em grupo o seu caminho. A tarefa de desfilar parece simples, mas o cansaço é visível em seus rostos, apesar de outra emoção prevalecer, que é a alegria e felicidade, por terem realizado um sonho, ou por mais uma vez terem vivido o carnaval da forma que mais gostam. O importante é que no final, depois de tudo parece que valeu a pena e que repetiriam no outro dia se fosse preciso.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.