Ministério do Turismo: Não há restrições de viagens para países afectados pelo zika

3/02/2016 07:25 - Modificado em 3/02/2016 07:25
| Comentários fechados em Ministério do Turismo: Não há restrições de viagens para países afectados pelo zika

febre zikaO Ministério do Turismo em comunicado de imprensa revela que a “Organização Mundial do Turismo (OMT) lembra que apesar do vírus zika ter sido decretado uma emergência mundial, não foram implementadas restrições nas viagens para as áreas afectadas”. A OMT indica ainda que os passageiros devem ser informados “com dados actualizados sobre os riscos e as medidas adequadas para reduzir a possibilidade de exposição às picadas do mosquito” e que os aviões e aeroportos devem seguir as medidas de desinfecção recomendadas pela OMS.

A preocupação volta-se para o sector do turismo. Nas Américas mais de 20 países registam casos de infecção pelo vírus do zika. “Com o rápido aumento do número de infectados devido à picada do mosquito que transmite a doença, companhias de aviação, hotéis e operadores de cruzeiros com actividades ou ligações às Caraíbas e à América Latina enfrentam o receio crescente dos turistas, como noticiou a Reuters”. E este facto tem levado a desistências por parte dos clientes.

Segundo a organização, é ainda demasiado cedo para avaliar correctamente o impacte no sector do turismo devido à evolução constante da situação. Na mesma medida de não restrição de viagens para países afectados, também não deverá haver restrições no comércio com os países afectados.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.