Rui Semedo : ” o avião da Guarda Costeira que usei no regresso do casamento foi alugado pelos noivos”

27/01/2016 08:03 - Modificado em 27/01/2016 08:03

ruisemedoA Deputada do Movimento para a Democracia (MpD), Joana Rosa, acusou hoje o Ministro da Defesa Nacional, Rui Semedo, de ter utilizado o avião da Guarda Costeira para ir a uma festa de casamento na ilha do Maio. O Ministro reagiu afirmando que o avião da Guarda Costeira que usou no regresso do casamento onde foi padrinho, tinha sido alugado pelos noivos. Avança ainda que se esse caso for levado a Tribunal, conforme é vontade dos próprios noivos, estará na disponibilidade de retirar a sua imunidade parlamentar para esclarecer o caso. Diz que existem provas que o avião foi alugado. “O avião foi alugado directamente à Guarda Costeira em São Vicente e foi de facto para a ilha do Maio para levar familiares do noivo que é da Boa Vista. Isto pode ser confirmado e comprovado”.

Mas a Deputada do MpD tem uma outra leitura e no período antes da ordem do dia na AN disse: “Se o senhor quisesse alugar um avião, que alugasse um avião privado, mas a partir do momento em que usa o avião da Guarda Costeira, que é do Estado, isso é considerado um crime e as consequências deveriam ser imediatas. Só em Cabo Verde é que nada acontece porque em Cabo Verde tudo é normal”.

O Ministro da Defesa Nacional e Assuntos Parlamentares, Rui Semedo, disse que é verdade que foi à ilha do Maio para o casamento, mas afirmou ter-se deslocado à ilha do Maio no voo regular da TACV do dia 28 de Dezembro, juntamente com a sua família e que regressou com a sua esposa no avião da Guarda Costeira que tinha sido alugado pelos noivos.

  1. Max 115

    Rui Semedo e Avião da Guarda Costeira Casamento de luxo e o Cardápio Salarial, o senhor é um Thug de gravata sentado no parlamento. O senhor é um malvado mesmo a serio. Utilizar o avião do Estado, enquanto que temos doentes a sofrer. Tenha Vergonha Sr. Deputado.

  2. António Lima

    De igual forma o Ex ministro de Defesa Jorge Tolentino deveria ser responsabilizado pela utilização indevida do erário público ( Emanou um despacho para a Guarda Costeira disponibilizar 50.000,00 de combustíveis mensais para rendição e dos militares que faziam guarda da sua residência em palmarejo e ainda mais grave mandou as forças armadas alugar um apartamento no mesmo condomínio que ele residia para o pessoal que fazia a segurança da sua verba essa desviada do o orçamento das FA . Ele gastou ilegalmente 200.000,00 mensal aos cofres do estado.

  3. Cidadão

    Nestas intrigas políticas nunca se sabe quem realmente tem razão, e quem está mentindo. Por isso, e até se provar o contrário, os nossos titulares de cargos políticos são todos uns malandros. Mas como o Sr. Ministro admitiu que o avião foi alugado, torna-se pertinente questionar: é legal alugar um avião da Guarda Costeira para fins pessoais? Legalmente é possível, ou foi um jeitinho crioulo? Outras pessoas já o alugaram, ou esta foi a primeira vez? Se existem companhias aéreas privadas e que fazem voos expressos, porque não contratar a CV Express por exemplo? Já imaginaram se o pessoal da Lancha Voadora alugasse o avião da Guarda Costeira para irem de fim-de-semana para a ilha do Maio? A boa governação também tem a ver com transparência.

  4. Avelino R. Pina

    Que história mal contada! Se não estou em erro, a Guarda Costeira Nacional não é um avião comercial, mas sim um aparelho destinado ao patrulhamento e fiscalização da nossa costa territorial, para além de outras missões de carácter humanitário. De qualquer das formas, acho que, definitivamente, deveríamos todos (sem exceção) acabar com esse hábito imoral e nada exemplar, de aproveitar e de abusar dos recursos públicos (tão escassos quanto são) quando, circunstancialmente, somos chamados a exercer cargos dirigentes ou no governo.

  5. EDLima

    Acho que o Sr. Ministro Rui Semedo não fazia isso. Se os aviões podem ser alugados inclusive o da G.C. porque não dar o dinheiro à Guarda Costeira e usar o seu avião, desde que não fere a constituição. Alguns deputados tem vontade de falar e lançar debates, porque não faze-lo com responsabilidade, com verdade sem prejudicar ninguém.
    Política baixa da deputada e mais nada.

  6. JOAO

    Se o avião foi alugado, está tudo bem. Caso contrário não podia ser.

  7. Manuel M. Fernandes

    A primeira questão a analisar é se o Cidadão Comum pode acesso e alugar o avião da Força aérea. Se é prática comum a questão fica dirimida. Mas não resolvida, naturalmente. Sendo o RUI SEMEDO o Ministro que, em nome do ESTADO DE CABO VERDE, zele pela gestão do Avião em causa, ele devia ser o 1.º a mostrar de que “não vale ser sério, é preciso parece lo” quando se ocupa lugares de topo na hierarquia do Estado. Por menos, em países com Democracia consolidada, daria lugar imediatamente à demissão desse membro do Governo. Mas como em Cabo Verde a poucavergonha não tem limites, o uso e abuso dos bens do Estado pago pelos contribuintes é coisa corrente. Mas até quando pode ser assim, sr. Procurador da República?

  8. indignação

    Sr. Ministro ta fla me usa avião pa bem di Maio. Ago mi nta perguntal: Sr Ministro ca cumpra bilhete de ida e volta? Provavelmente nhu da conta di data de regresso di bilhete, não é?
    Sr. Ministro, nhu fla ma nhu toma boleia num avião alugado, certo? Nhu flam, ki eu saiba guarda costeira ta durmi na S. Vicente. Modi ki nhu bem Praia si avião alugado pa fazi percurso Boavista, Sal ; Maio e vice versa?
    Por acaso nhu tinha bilhete Boavista Praia?
    Si nos jornalismo ta funcionaba na se verdadeiro sentido da palavra, es mé es ta sclareceba es assunto midjor.
    Tenho dito.

  9. indignação

    tem mas.
    ago mi nta gostaba di sabi si alguem gossi ta processadu pamodi é fla verdade.
    Verdade doi.
    Sr. Ministro labanta un oto questom onti na notícia referente a ajuda di custo di deputados. Pamodi só gossi?
    parcem ma nta respondi nho el. É pamodi onti nhu ca gosta des verdade ki bem pa claru.
    MI nxinadu me algeum debe responsabiliza pa ses ato.

  10. maria

    uma vergonha essa gente, devia demitir se!

  11. Francisco andrade

    Esse avião podia ser usado em caso de emergência para salvar vidas no mar, Senhor Rui Semedo. Devia ter pensado nisso antes. Avião da Guarda Costeira é uso inclusivo para missões( salvamento, de fiscalização das nossas águas ,etc etc) . Se fosse noutro país deverias pedir a demissão, escutou?

  12. ah minha terra

    Da maneira como as coisas vão andando naquelas paragens (paralelo 14) daqui a pouco teremos uma uma Gala Narcotrafico na Assembleia Nacional pago pelo Cartel e os seus 72 tentaculos.

  13. Oliveira Santos

    Em qualquer pais civilizado isso dava para o Ministro ser demitido, sem demora. Noivos (provavelmente jovens que querem construir-se na vida) fazem um casamento pomposo a ponto de alugarem um avião para um conviva? O que é isso? Não contem estôrias e mandam este cafageste para fora do Ministério. Ele não tem consideração nenhuma para um com um povo caraleptico e merece tratamento adequado. Nem sequer pensou que, de qualquer forma, o assunto estaria na boca de todos

  14. Figueiral

    A minha pergunta é se o aviao pode ser alugado a qualquer cidadão comum o mesmo pode também ser utilizado, aliás alugado para controlar o transbordo de drogas no mar alto pelos nossos barões da droga?
    Poderão as autoridades responsáveis publicarem uma lista com os preços de aluguer e condições afim de se poder verificar se vale a pena ou não.

  15. s.vicente

    PARA SALVAR VIDAS COMO OS PASSAGEIROS DO NAVIO TUNINHA NÃO TEVE AVIÃO NENHUMA NO MOMENTO CERTO MAS PARA UM CASAMENTO TEM.QUE VERGONHA…ESSE RUI É MESMO UMA ANEDOTA A MODA C.VERDIANA

  16. Cidadã

    O AVIAO PODE SER ALUGADO.Ainda há cerca de três meses o avião foi alugado por uma família de S.Nicolau para transportr os restos mortais de um jovem nazareno.A deputada tinha a obrigação de ter essa informação e não fazer fofocas.

  17. Emanuel Mendonça

    Penso que estas criticas não é realidade, porque o Dornier da Guarda Costeira sempre transportou Presidente da Republica e sua comitiva, transportou também cadáveres de diferentes ilahs, grupos de teatros, civis, uma vez pessoalmente solicitei ao Cmdt da Guarda Costeira António Lima Fortes este autorizou que o Grupo Flado Fla toma-se boleia para são vicente para participar no Teatro com Manu Branco… Admiro estes espantos sabendo que as forças armadas de cabo verde e um baluarte no uso de pessoas indevidamente, ou seja, sambem que este é uma instituição do estado, por ser um instituição do estado deve ser posto em serviço dos caboverdianos dado que o Estado de cabo Verde tem por obrigatoriedade recrutar indivíduos a prestar serviço militar, também posso dizer que o Estado desempenha funções políticas, sociais e económicas… penso que a Nossa Constituição da aos caboverdianos todo o direito de ter uma vida saudável e digna… não estando as Forças Armadas em caso de sitio deve colaborar com os caboverdianos em todos os meios necessarios desde que não prejudicam nas suas tarefas…

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.