Carnaval 2016: quatro galos para um poleiro

26/01/2016 07:51 - Modificado em 26/01/2016 07:51

Jaqueline do Vindos do Oriente_ rainha do carnaval 2014 (1)Vindos do Oriente quer bicampeonato, Cruzeiros quer regressar aos títulos, Monte Sossego pronto para a conquista do 10º título e Flores do Mindelo quer brincar o Carnaval.

Faltam exactamente duas semanas para os desfiles de Carnaval em São Vicente, agendados para o dia 09 de Fevereiro com a participação dos grupos Cruzeiros do Norte, Flores do Mindelo, Monte Sossego e Vindos do Oriente, cujo desfile está agendado por esta mesma ordem, a partir das 14:00 h.

Vindos do Oriente, o grupo vencedor do ano passado, com o lema “Egipto e a Primavera dos faraós” que lhe valeu o primeiro prémio traz, este ano, o tema “Globalização”, com o forte objectivo de revalidar o título de campeão do Carnaval 2016.

A participar pela 17ª vez no Carnaval do Mindelo, o grupo do maior bairro de São Vicente quer conquistar o seu 10º título com a escolha do enredo que evoca a ilha do Monte Cara: “Um ano em São Vicente”. Monte Sossego foi o grande vencedor do Carnaval 2014.

Cruzeiros do Norte, por seu lado, trará para as ruas do Mindelo o tema “De volta ao mundo em 80 loucuras”, com o objectivo de voltar a conquistar o prémio do Carnaval 2016, depois de ter perdido o título em 2014 a favor de Monte Sossego, altura em que almejava ser o tetracampeão de São Vicente, da festa do Rei Momo.

Flores do Mindelo abraça o enredo “Tira-me da rua, ninguém é superior a ninguém” e, apesar das dificuldades financeiras, pretende sair às ruas e mostrar todo o seu brilho e esplendor.

A Escola de Samba Tropical desfila na noite de segunda-feira de Carnaval, fora da competição, com o tema “De Atenas ao Rio de Janeiro, nôs Carnaval é olímpico!”

Em relação ao subsídio da Câmara Municipal de São Vicente aos grupos carnavalescos, sabe-se que já foi entregue aos grupos a primeira tranche da verba de mil contos a cada um.

  1. Carlos Silva - Ralão

    Sonho um dia ver as associações desportivas de S. Vicente, que trabalham o ano inteiro com jovens de vários escalões e modalidades, receberem esses mil contos!!!! Não é que sou contra os grupos carnavalescos beneficiarem deste valor, acho que até é pouco pelo grande trabalho que fazem, mas e aqueles que trabalham praticamente o ano inteiro movimentando milhares de jovens dos diversos bairros de S. Vicente distribuídos pelo futebol, voleibol, andebol, basket, artes marciais, ténis, etc….

  2. atenta

    UM TAVA GOSTA DE SABE UKE QUE FLORES DO MINDELO TE FASE QUE KEL MIL CONTO QUE CAMARA TA DAS TUD ONE. EKE IS QUE TE CONSEGUI FASE NADA DE JEITO . SE CALHAR SÓ IS TE SEI PIS PODE TMA SIS MIL BALAS. PRONTO FALEI.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.