Aricson Fonseca: “O Vicente não deveria ter saído do Porto da Praia”

6/01/2016 07:31 - Modificado em 6/01/2016 07:31

Aricson Fonseca é um jovem sobrevivente do naufrágio do Navio Vicente ocorrido no dia 08 de Janeiro de 2014. Perdeu quase tudo, o padrasto, amigos e o emprego. Passado um ano tem uma certeza :  se tivesse poder  de decisão o navio não teria partido do Porto da Praia”.

O jovem Aricson dos Santos Fonseca  trabalhava para o armador encontrava-se em serviço e por pouco não teve o mesmo destino de vários outros tripulantes e passageiros que se encontravam á bordo.

Após um ano da tragédia que vitimou várias famílias, o jovem que terá alertado o capitão sobre a sobrecarga do navio, conta em exclusivo ao NN,  como viveu o ano que marcou para sempre a sua vida e a de muita pessoas, familiares e amigos das vitimas.

  1. roxana

    O navio saio de Praia chegou a PORTO DESTINO , logo deu RETRO por indicaçao de (?) anduvo 4 millas afora e em 5 mint se fundo !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! TODA o QUASI TODOS OS TRABALHADORES ESTAVAM EM SEUS PORTOS de TRABALHO e Nem tiverom tempo para SOBREVIVIR !!! Independiente de SOBRECARGA , o navio chegou !!! PENSO Q ALGUEM DESAMARROU AS CARGAS e um contentor FIZ FURO POR ONDE FIZ AGUA !!! QUEM ESTAVA A VELAR PELAS CARGAS ? TODOS sabem q os marineriros antes de entrar em porto ja’ començan a SAFAR AS AMARRRAS DAS CARGAS , so’ q este deo MARCHA RETRO com as cargas SOLTAS !!! E VEM A DESGRAÇA !!! Culpar os MORTOS E? DE COVARDES e de ALGUEM q ESTARA A OCULTAR SEU CULPA : . TENHO PENA DO OCURRIDO ,meos Patricios o MAR não os entregou a seus familiares .

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.