BCV revê em baixa o crescimento do País

8/12/2015 08:14 - Modificado em 8/12/2015 08:14

 

economiaO Relatório de Política Monetária do Banco de Cabo Verde (BCV) revê em baixa as projeções de crescimento feitas em Maio.

De acordo com a previsão o país deverá registar este ano um crescimento de 1 a 2% . Em Maio o BCV estimava um crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB) para os três trimestres seguintes entre 2,5 a 3,5%. De acordo com o citado relatório apesar da revisão em baixa do crescimento em 2015, o BCV mantém a previsão de crescimento neste intervalo para 2016, perspetivando “uma contínua recuperação do poder de compra das famílias, em função de expectativas positivas quanto à evolução das transferências externas para apoio familiar, embora em desaceleração, de aumento dos benefícios e apoios sociais suportados pelo governo e de alguma melhoria das condições do mercado de trabalho”.
Segundo o relatório, a perspetiva para 2015 de um menor crescimento do que o antecipado em Maio, é explicada pelos desempenhos desfavoráveis de setores como o comércio, agricultura ou construção e por alguma retração nos investimentos públicos, o que inibiu a procura interna.

  1. DiPraia

    Era esperado. Pois os dados das contas provisórias do INE , e o inquérito de conjuntura já mostrava isto, apesar da projecção do FMI que previa um crescimento de 3%.
    Mas alguns órgãos da comunicação social de forma propositada anunciavam as projecções do FMI como certo. Por causa disso a analista Rosária foi “corrida” na semana seguinte do Jornal da Noite por dizer a verdade – esperava que se venha a rever para baixo as projecções do PIB. Agora veio o Banco Central confirmar….

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.