Moacyr Rodrigues completa doutoramento na FCSH/NOVA com 82 anos

2/12/2015 07:39 - Modificado em 2/12/2015 07:39

Moacyr rodriguesGabriel Moacyr Rodrigues, nascido em 1933, é um dos mais recentes – e certamente um dos mais idosos – alunos a completar um doutoramento na FCSH/NOVA. Conheça aqui, em discurso directo, os motivos que levaram este natural de Cabo Verde a completar uma formação superior em Ciências Musicais, na variante de Etnomusicologia!

“A minha tese tem por título ‘O papel da morna na confirmação da identidade nacional em Cabo Verde’. O que me influenciou na escolha do tema foi o meu envolvimento, desde criança, com as músicas populares de todo o mundo latino e europeu. Por haver gramofone em minha casa e ter uma boa relação com músicos no Mindelo, cidade da ilha de S. Vicente, em Cabo Verde, desafiaram-me para saber mais sobre a nossa música.

Não só aconselharia, como aconselho a FCSH/NOVA aos que pretendem adquirir conhecimentos na área de estudos musicais. O que me motivou a inscrever-me num curso de doutoramento foi a vontade em adquirir conhecimentos aprofundados na área musical, de modo a dedicar-me aos estudos das nossas músicas. Elas são tantas e é cada vez mais necessário falar com propriedade delas, para evitar que se continue a dizer “patranhas” acerca delas, inclusive em Cabo Verde”.

– See more at: http://blog.fcsh.unl.pt/2015/11/26/gabriel-moacyr-completa-doutoramento-na-fcshnova-com-82-anos/#sthash.ON7lgd7i.dpuf

  1. Osvaldo Lima

    Muitos parabéns ao Prof Doutor Moacyr Rodrigues.

  2. Marco

    Parabéns, prof. Moacyr. Mais uma excelente contribuição para nossa música e um exemplo para os mais jovens que o saber não tem idade.

    Um grande abraço e espero conversar consigo sobre este trabalho.

  3. Luisa Ramos

    Parabéns e vida longa ao prof. Doutor Moacyr Rodrigues

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.