JMN pede a mesma solidariedade em relação aos atentados terroristas em África

24/11/2015 07:49 - Modificado em 24/11/2015 07:49

JMNO primeiro-ministro, José Maria Neve, pediu a mesma solidariedade da comunidade internacional  em relação aos atentados terroristas que acontecem em África. E citou o como exemplo o rapto no ano passado de mais de 200 jovens na Nigéria por parte da organização extremista islâmica Boko Haram, de várias bombas que explodem em marcados, hotéis, de várias crianças violadas e assassinadas.

Disse que “O mundo reagiu muito bem aos ataques que aconteceram em Paris. Houve uma grande solidariedade de todo o mundo livre, de toda a humanidade. Mas vejam a reação em relação a um conjunto de atentados terroristas no continente africano, não tivemos a mesma solidariedade ou a mesma dimensão da solidariedade no mundo inteiro”, sustentou José Maria Neves.

O primeiro-ministro defendeu a igualdade de tratamento “É preciso que todos os seres humanos da África, da Europa, das Américas, que todo o ser humano seja tratado da mesma forma, somos todos iguais e merecemos todos a mesma solidariedade”, pediu José Maria Neves.

  1. Firmino Lima

    JMN éalvo de chacota no facebook.Muitas pessoas troçando dele com estas declarações. 😀

  2. Eduardo Oliveira

    JMN não é terrorista mas é um sàdico que terroriza devagar, devagar. Maqueavelicamente foi prometendo para calar alguns mas nunca executou e continua antes de partir, por vias travessas. Nem preciso de trazer exemplos porque estão claros e todos sabem

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.