Keila Ramos: um “love affair” com a fotografia

17/11/2015 08:09 - Modificado em 17/11/2015 09:06

Keila Ramos, jovem natural da ilha de São Vicente é modelo fotográfica descoberta pelo estilista, maquilhador e fotografo John Cruz. Em conversa com NN a jovem revela a paixão a pela moda, câmera fotográfica e ser fotografada.

A paixão pelo mundo moda e fotografia surgiu ainda em criança, segundo conta, assistindo diferentes programas televisivos ligados a área.

“Desde criança acompanho o mundo da moda pela televisão, convicta de que um dia faria o mesmo, pousar para uma câmara fotográfica. Este ano comecei a ver os trabalhos do estilista e fotografo John Cruz na rede social do Face Book, gostei e entrei em contacto. A partir de então combinamos um dia para fazer fotos. Gostei e já seguimos agora na terceira sessão fotográfica”, revela a jovem que iniciou a vida de modelo fotográfico como hobbie em Fevereiro de 2015.

Para Keila, falar de moda não é nada menos do que referir a uma paixão, história de amor com a camera. Um amor considerado por muitos amigos como mania. “ Gosto tanto de fotografar, em qualquer lugar e a qualquer hora que muito dos meus amigos ralham comigo por causa da minha mania de fazer fotos”, revela acrescentando ter em Sara Sampaio um modelo de inspiração.

Enfrentar a camera pela primeira vez não foi de todo fácil, explica acrescentando que com após a terceira sessão acredita estar cada vez mais solta. “ Na primeira sessão estive meio envergonhada, por causa da vizinhança de John. Ele mesmo notou que eu estava muito agitada. Da segunda vez estive mais calma e da terceira foi uma maravilha”, explica a menina que apesar de sentir-se mais solta não se sente ainda preparada para sessões mais sensuais.

O apoio familiar é essencial para tudo na vida, principalmente quando deseja-se “voar alto” e com Keila não é diferente. “A minha família gosta e apoia o meu sonho de ser modelo fotográfico. Quando saio para fotografar todos fazem festa com as fotos, o que mais me motiva. É sempre bom ter apoio familiar, principalmente quando queremos seguir um sonho”

Tendo em conta que a profissão de modelo fotográfico é pouco explorado, a nível profissional, em Cabo Verde, Keila não descarta a possibilidade de sair fora para seguir o seu sonho. “Não vou desistir do meu sonho, caso tiver uma oportunidade de sair fora e encontrar um caminho maior, atingir outros objectivos não pensarei duas vezes. Pois aqui as pessoas não vêm a moda, são pouco virados para ela, embora sofrido grandes mudanças.”

Falando do trabalho com John Cruz, Keila declara ser um prazer pois apesar das exigências que considera justa para sua evolução, ele a deixa livre para expressar ao fotografar. “Ele nos aconselha sempre na escolha das poses, da maquiagem ideal, que é feita por ele mesmo” explica Keila que tem França como país de eleição para seguir carreira.

A nossa entrevistada revela que as fotografias feitas, até então, nas três sessões com Cruz, foram divulgadas apenas nas redes sociais, o que a abriu mais uma porta. “Recebi um convite recentemente de outro fotógrafo, que diz ter gostado das minhas fotos no facebook, para fazer novas fotos”, finaliza.

Keila Ramos1

  1. adelita soares

    pa frente e k ta caminho nhe mnininha
    ja bo tek meio camim andot ,e bo talento ja ta la
    força querida

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.