São Vicente: “onde está a fiscalização no caso de diversas vias mal sinalizadas?”

6/11/2015 08:03 - Modificado em 6/11/2015 08:03

rua6Sinalização e Código da Estrada não é para o entendimento de todos mas, com o alcatroamento de algumas vias em São Vicente, a sinalização tem sido alvo de algumas críticas por parte de cidadãos atentos e que percebem do assunto. Caso para dizer “não há bela sem senão”, ou seja, ruas bonitas com bom pavimento, mas mal sinalizadas.

Nuno Ferreira posta na rede social inúmeros exemplos da má sinalização das vias e afirma “numa via de 1km (estrada de Fonte Francês), recentemente alcatroada encontrei 6 vias mal sinalizadas ou seja com inscrição no pavimento e sem sinal vertical. Até quando vai continuar mal assinalada?” Questiona o internauta e afirma ainda que o Código da Estrada é claro neste sentido.

Para além da falta do sinal vertical num pavimento com indicação de trânsito, também há outra gafe, isto é, a “linha que acompanha o sinal rodoviário de cedência de passagem é descontínua e não contínua. Por favor, consultem o código da estrada, a DGTT ou os peritos das seguradoras antes de fazerem asneira! Espero que seja rectificado no mais breve espaço de tempo possível, assim como os sinais de stop desenhados no pavimento sem sinal vertical! Os mindelenses agradecem”. Nos comentários, são muitos os que agradecem as observações de um cidadão atento e há quem relembre que não é só nos aspectos de trânsito que há falta de fiscalização, mas em muitas áreas em Cabo Verde, sendo a fiscalização apontada como um dos “calcanhares de Aquiles do País”, ou seja, a principal lacuna das ilhas de Cabo Verde.

rua7Todavia, quem deve fiscalizar essas “bacoradas” no trânsito é a Câmara Municipal de São Vicente, cujo Pelouro do Urbanismo pertence ao Vereador Rodrigo Rendall. Contactámos a CMSV e sem sucesso, porém, procuraremos ter uma reacção do Vereador.

  1. Manuel Oliveira

    Não são só as vias que carecem de fiscalização. E as bicicletas ( ciclistas) desnorteadas que invadem a cidade e, o trânsito, a toda a hora, perturbando a circulação de peões e, outros veículos, sem que apareça ninguém mas, ninguém, a tomar medidas! A Polícia de Trânsito por onde andará que não vê essa situação perigosa que se vive a todo o momento no centro e nos arrabaldes da cidade?

  2. Julio Goto

    …seria melhor por em practica a regra de DIREITA. Os condutores conduzem por costume esquecendo as regras.
    Na Norwega onde a velocidade nao ultrapassa 50 km aplicam muito a regra de DIREITA.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.