Actividades comemorativas do mês da Luta Contra o Cancro

26/10/2015 07:41 - Modificado em 26/10/2015 07:41

IMG_20151023_180205[1]O mês de Outubro, ou Outubro rosa, é o mês dedicado às comemorações da Luta Contra o Cancro. Para assinalar o mês, a Liga Cabo-verdiana Contra o Cancro (LCCC), programou uma série de actividades.

De acordo com a organização, esta série de actividades tem como objectivo reforçar as recomendações em relação ao cancro da mama. “Este mês de Outubro é o mês dedicado à luta contra o cancro da mama e aproveitamos sempre para reforçar as nossas actividades no âmbito da luta contra o cancro da mama”, explica a Doutora Conceição Pinto, para quem as actividades, “no fundo têm como objectivo final sensibilizar as pessoas, principalmente as mulheres, para a necessidade e importância de fazerem o diagnóstico precoce do cancro da mama”.

Segundo Conceição, quanto mais cedo for feito o diagnóstico precoce, maior é a possibilidade de cura. “Portanto, alertamos as mulheres para estarem atentas e não só, uma vez que os homens também podem desenvolver o cancro da mama”.

“É necessário fazer auto exame, já que o melhor meio de diagnóstico, a mamografia, não está acessível a todos”. “As pessoas vivem em sítios onde não existe o aparelho de mamografia e, não tendo acesso a este equipamento, aconselha-se o auto exame uma vez por mês, para que possam conhecer melhor as suas mamas para quando acontecer algo de anormal, puderem dar por isso mais cedo”, esclarece a doutora Conceição.

Recomenda ainda que quando encontrarem qualquer coisa de anormal, não fiquem em casa mas que se dirijam ao Centro de Saúde para verem o que se passa.

IMG_20151023_180205[1]A Dr.ª Conceição Pinto afirma que brevemente o HBS estará equipado com o aparelho de mamografia. “O Hospital Baptista de Sousa vai voltar a ter o manógrafo. Isto é algo que preocupa os médicos, já que há bastante tempo que o hospital está sem o equipamento”. Agora, com esta notícia, congratulam-se porque é um exame muito importante para o diagnóstico do cancro da mama.

No domingo, a Liga, juntamente com o Monte Cara Bike, fez uma caminhada pela cidade com o objectivo de sensibilizar a população sobre o problema. Ainda no domingo à noite, o Criolo Eventos, juntamente com a LCCC, realizou uma actividade na Casa da Morna com o objectivo de mobilizar fundos não só para ajudar a Liga, mas também com a vertente de informação e educação.

A Dr.ª Conceição Pinto garante ainda que, com base nos dados que possuem, destes seis anos de actividades de comemorações da luta contra o cancro, as diferenças têm sido enormes. “Notámos que as mulheres, e também os homens, estão mais atentos e mais interessados em obterem informações sobre o cancro”.

  1. roxana aguilera

    Sra !!! todos estes anos con estas coreografias as abafado ,colocando baton Rosa ao Grave problema q e’ a ausencia do Mamografo na Luta CONTRA o Cancro ,4 anos e nao ten exigido nada ,ate o MS pode ser levado ao TRIBUNAL da JUSTIÇA x entorpecer a SAUDE e nao ter alternativas como e’ comparticipaçao de $$$$ com o Privado /INPS . Espero q nada fique INCONCLUSIVO como os Diagnosticos de Leucemias !!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.