Olavo Correia: “a economia de Cabo Verde está estagnada”

20/10/2015 08:30 - Modificado em 20/10/2015 08:30

olavo correia 4Para o MpD, a economia  cabo-verdiana  está estagnada. Segundo o Vice-presidente Olavo Correia, a média de crescimento é de 1,4 por cento e, a esse ritmo de crescimento, o país vai precisar de 50 anos para duplicar os rendimentos, os salários, pensões e juros de rendas para quem investe em capital.

“Este país tem de ser ambicioso e nós temos de duplicar o rendimento da nossa economia num prazo máximo de dez anos. E nisto precisamos crescer com uma taxa mínima de sete por cento. Seria esta taxa um objectivo e uma ambição mínima, para a nossa sociedade”, expressa Correia.

Esta é a ambição pretendida pelo MpD nos próximos dez anos de forma que o país possa alcançar a meta de crescimento à volta dos sete por cento. Neste sentido, diz que são precisas algumas reformas. “Temos de reformar o Estado e mudar o enquadramento de negócios em Cabo Verde. Precisamos de um Estado que incentive os negócios, que seja promotor da economia e um Estado facilitador com uma nova forma de exercício do poder”, perspectiva Olavo Correia.

Diz que as medidas têm de ser acompanhadas por reformas em vários sectores como na educação, na educação fiscal e no sistema fiscal. Acrescenta ainda que o país precisa de um sistema fiscal mais ligeiro que incentive o investimento, um quadro de financiamento propício para a expansão das empresas quer no mercado doméstico quer no mercado internacional e, ainda, um sistema de transporte mais eficiente, regular e com preços competitivos. “E temos uma proposta no caso de virmos a ser Governo”, finaliza Olavo Correia.

  1. militante descontent

    Oh Homem de Deus cala-te, já não te lembras dos anos 90, eras Governador do BCV, e o teu actual Presidente era o então ministro das Finanças?
    Já estamos fartos de tanta demagogia. Esta tentativa de enganar os caboverdianos já está ultrapassada. O povo está mais formado essa ladainha vossa não pega. Tomam tino na cabeça e apresentam-se como um força politica credível e depois vêem concorrer as eleições.

    BABACA!!!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.