Banda Municipal atravessa momentos difíceis : sem instrumentos e fardas

6/10/2015 07:24 - Modificado em 6/10/2015 07:24

banda municipalFalta de instrumentos, uniforme, diminuição dos músicos e fracas condições do piso na Praça Nova têm estado a dificultar o funcionamento da Banda Municipal de São Vicente. Os músicos consideram estar a atravessar momentos de grandes dificuldades.

Os músicos da Banda Municipal de São Vicente consideram estar a atravessar momentos difíceis. O piso da Praça Nova onde costumam tocar para os mindelenses não oferece condições. A escassez de instrumentos, a falta de uniforme e a diminuição dos músicos na Banda são alguns dos problemas apontados pelos mesmos.

Antigamente, a Banda Municipal contava com mais de quarenta músicos, mas devido a diferentes situação, actualmente, a Banda é formada por apenas dezasseis elementos. São vários os motivos que levaram à decadência da Banda.

Outrora, a Banda Municipal de São Vicente foi considerada “a mascote” da ilha do Monte Cara. Instalava-se aos domingos na Praça Nova onde, ao som da música, animava grande número de pessoas que religiosamente se faziam presentes. Ainda hoje, embora de forma muito tímida, os mindelenses continuam a frequentar a praça e, apesar de terem diminuído muito, os músicos não deixaram a tradição de tocar na Praça Nova ao domingo .

“Hoje, a Banda tem vindo a deparar-se com uma realidade bastante difícil”, diz um dos músicos entrevistados pelo NN. A situação vivida pelos músicos é confirmada pelo responsável da Banda, Eduardo Monteiro. A falta de elementos deve-se às escassas condições  e ainda ao facto de muitos músicos terem emigrado.

Para o responsável, a Banda não está em condições de se apresentar porque não dispõe de um uniforme, pois há muitos anos que os músicos receberam fardamento. Quanto aos instrumentos, Ricardo diz que existem alguns e que são necessários instrumentos com maior qualidade e quantidade.

Em Novembro de 2007, a Banda terá solicitado o apoio da Câmara Municipal na aquisição de mais instrumentos e fardamento mas, até agora, o pedido não foi acudido por falta de disponibilidade da edilidade.

Questionado sobre a falta de músicos, o mesmo avança que muitos jovens e não jovens já passaram por formação e muitos até tocaram na banda, mas que devido à falta de condições financeiras não foram admitidos. O mesmo afirma existir vaga para dois músicos, no entanto, não há recursos para a integração.

Para além disso, a Banda continua a trabalhar na formação de mais músicos. Todas as quartas e sextas-feiras, os elementos reúnem-se na Academia Municipal da Música para ensaiarem e, aos domingos, caso não faltar nenhum dos elementos, a Banda desloca-se à Praça para o seu habitual trabalho que é tocar.

A Banda Municipal de São Vicente pertence à CMSV e a responsabilidade é da mesma, por isso, os músicos apelam para uma maior atenção no sentido de se melhorarem as condições para que a Banda possa voltar a ser “a mascote”da ilha como era antigamente.

  1. Osvaldo Dantas

    Este é o resultado do trabalho do Sr. Vereador da Cultura. Votar nele? Nem pó! Mesmo que o Noticias do Norte o quiser levá-lo ao ombro.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.