Bancada da UCID continua a desconfiar de Augusto Neves

5/10/2015 07:57 - Modificado em 5/10/2015 07:57

LidioLídio Silva, Líder da bancada da UCID na Assembleia Municipal de São Vicente, garante que nenhum dos cinco deputados pediu demissão na sequência da mudança do sentido de voto na última aprovação do Orçamento e Plano de Actividades Municipal.

“Na base dessa mudança. Tomamos a decisão porque não iríamos permitir mais uma vez que o Presidente da CMSV nos enganasse mais uma vez. E depois da nossa conferência de imprensa e segundo informações do presidente do partido, o presidente da câmara andou atrás dele  para conversarem ,  assegura Silva.

Na base da mudança está  a promessa de que o edil irá cumprir, até Dezembro, as propostas da UCID. Algo que o próprio líder da bancada da UCID não acredita que vai acontecer. Isto,  por causa das propostas e pelo tempo que falta para o fim do ano.

“Estou de acordo que irá conseguir recuperar os passeios da  rua da policlínica, mas este é um assunto tão antigo que  ele nunca satisfez porque nunca quis”. Esta é a única proposta da UCID que Lídio acredita que pode ser satisfeita até Dezembro  pelo executivo.

Mas,  a atitude ou a crença no edil ainda não mudou. Mesmo,  com o compromisso assumido pelo presidente com o partido, Lídio Silva acredita que “será como das outras vezes. Porque aprovado ou não aprovado o presidente da câmara faz aquilo que quer, e já disse num reunião da câmara que não é um presidente qualquer e respeita a leis que quiser”.

O sentimento da bancada não altera em nada. “Demos o benefício da dúvida, que não é dúvida nenhuma, mas pura convicção, que não vai conseguir cumprir”.

O líder da bancada municipal da UCID diz que o compromisso continua em servir São Vicente e os munícipes, “fazendo o que é permitido por lei”. E defende que a lei atribui demasiados poderes aos presidentes de câmaras. A lei diz que um município como São Vicente tem nove vereadores incluído o presidente da câmara. Mas , por  outro lado a própria lei diz que dá pelouros a quem quiser”. E acrescenta que muitas das leis são copiadas e que não estão preparadas para o sistema cabo-verdiano. Cabe a bancada, como afirma Lídio Silva, continuar a fazer o seu papel.

  1. Alcindo Mamado

    “Na base dessa mudança. Tomamos a decisão porque não iríamos permitir mais uma vez que o Presidente da CMSV nos enganasse mais uma vez.” Lídio silva disse isso??? é muita enganação, mas o sr. Lídio também mais uma vez já nos enganou mais uma vez!!! Casta de português ê ess???

  2. mamagealdo

    O lidio deixa de palhaçaria , sabes bem o que a Isaura deu ao MOnteiro para lhe calar a boca para sempre . queres que te refresque a memoria ?????

  3. Fernando Fortes

    Senhor Lidio Silva, santa paciência,anda a brincar com as pessoas ou quê?
    Acha que essa sua justificação cola?
    Na sua idade um homem não deve inventar desculpas,mas sim assumir os seus erros.
    O senhor falou demais e quem manda no partido,obrigou-lhe a engolir a sua irresponsabilidade.O senhor uma vez mais, mostrou que é um péssimo politico, o que não é novidade,para quem se lembra do aparecimento da UCID, na altura a abertura politica, em que vocês mostraram o quanto desorganizados que eram,e nessa altura o seu nome aparecia como um grande quadro.Os tipos do MPD compreenderam isso e simplesmente neutralizaram a UCID.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.