O mega-tsunami” que atingiu há 73 mil anos a ilha de Santiago pode se repetir?

5/10/2015 07:53 - Modificado em 5/10/2015 07:53

tsunamiUm estudo realizado por investigadores portugueses, pertencentes ao departamento de Geologia da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, prova a formação de um “mega-tsunami” que atingiu há cerca de 73 mil anos a ilha de Santiago, em Cabo Verde.

Um colapso gigantesco do flanco oriental da Ilha do Fogo, um dos mais altos e ativos vulcões oceânicos, provocou há cerca de 73 mil anos uma onda marítima com uma dimensão superior a 200 metros.

Uma onda que deu origem a um “mega-tsunami”, que deve a sua formação ao deslizamento de uma das paredes vulcânicas do vulcão existente na Ilha do Fogo em Cabo Verde.

O estudo agora dado a conhecer foi realizado pelos investigadores Ricardo S. Ramalho, Gisela Winckler, José Madeira, George R. Helffrich, Ana Hipólito, Rui Quartau, Katherine Adena e Joerg M. Schaefer.

As provas foram esta sexta-feira dadas a conhecer através da Science Advances, uma nova revista do grupo editorial Science.

O online da RTP conversou com um dos investigadores deste fenómeno geológico, que nos conta como todo o processo se desenrolou.

José Madeira encontrou um colega, que lhe divulgou a existência de mais material depositado localizado num local ainda mais elevado, na Ilha de Santiago.

  1. Francisco

    esse mega tsunami pode se repetir? nao achei resposta dos investigadores

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.