ULCS em São Vicente : “ A solução para o desemprego é criar emprego através da actividade económica “

1/10/2015 16:12 - Modificado em 1/10/2015 16:12

Sao_VicenteO Grupo Parlamentar do MPD encontra-se em São Vicente para transmitir uma mensagem de esperança à população, no início das jornadas descentralizadas que o referido grupo iniciou hoje na ilha.

Segundo Fernando Elísio Freire, que encabeça o grupo, trata-se de uma mensagem de esperança “em que o futuro será muito melhor do que tem sido até agora”e acrescentou que  “não será certamente um futuro de desemprego, de desalento e de falta de esperança que o Governo do PAICV deu à população de São Vicente. Será, sim, um futuro de mais emprego, com uma ilha pujante e com capacidade para a criação de emprego e que definitivamente vai cumprir o seu papel no desenvolvimento de Cabo Verde”.

Quem acompanha o Grupo Parlamentar do MPD nessas jornadas parlamentares do MPD é o seu líder, Ulisses Correia e Silva para quem o problema principal de São Vicente é o desemprego já que a economia da ilha está paralisada. “Há grande desemprego porque não há ctividade económica”. E vai acrescentadando que “se não há actividades geradoras de rendimento, se não há indústria, se não há comércio, se não há turismo, se não há agricultura, se não pescas, não poderá haver criação de emprego”, arrematou.

Segundo o Presidente do MPD, aquilo que a ilha de São Vicente está a viver hoje “é uma falta de dinâmica económica, de investimentos de empresas, a falta de criação de um ambiente favorável para que”, adianta como exemplo, “o turismo seja considerado um elemento fundamental para o crescimento da ilha”. Ulisses Correia e Silva adiantou que que São Vicente “não é encarado hoje como um destino turístico”, coisa que o MPD irá realizar, para além de “fazer funcionar e desenvolver a indústria” e, conclui, “tem de haver actividade económica, dando viabilidade ao Porto Grande para ser uma grande plataforma daquilo que se disse sempre e que numca foi feito”.  Ulisses Correia e Silva defendeu a tese de que a solução para o desemprego é “criar emprego através da actividade económica de todos os sectores que possam viabilizar esta economia”.

Antes da deslocação a Santo Antão ilha onde irá fazer a abertura do novo ano político, o Grupo Parlamentar do MPD deslocou-se, na tarde desta quinta feira, a várias localidades da cintura do Mindelo, incluído o bairro mais populoso da ilha: Monte Sosssego.

  1. Barbosa

    Bruxo! Descobriu a polvora. Concerteza criando empregos contribui-se para diminuir o desemprego. Como cria-los eh que eh o buzilis.
    Lembrem-se que este eh o Secretario de Financas que nao pagava salarios a funcionarios publicos nos anos 90. Criar empregos sem salarios nao resolve niente.
    CUIDADO caro concidadao.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.