Cruzinha: população ameaça boicotar próximas eleições se continuar sem sinais da RTC

18/09/2015 07:18 - Modificado em 18/09/2015 07:18

TVA população de Cruzinha há muito tempo que exige que o sinal da RTC chegue à localidade. Cansada com esta situação, ameaça boicotar as próximas eleições legislativas, autárquicas e presidenciais se o problema não for resolvido. Para os moradores dessa zona piscatória no vale da Garça (ilha de Santo Antão), pior do que não ver as emissões da RTC é “pagarem a taxa e não terem acesso ao serviço que pagam”.

Pascoal Nicolácia, morador da zona, citado pela Inforpres, diz que “estamos a deixar o alerta para que quem de direito responda ao documento que vamos enviar à RTC”, pois considera que não entende como é que “uma comunidade como Cruzinha, que é visitada por centenas de pessoas, não recebe sinais da rádio nem da televisão em pleno século XXI”. Este morador afirma que “nós só soubemos do furacão Fred por intermédio de pessoas que nos alertaram via telefone fixo, porque não podemos sintonizar a rádio”.

Nicolácia diz que a decisão foi tomada pela comunidade reunida em assembleia na sede da Associação Comunitária de Desenvolvimento da localidade e “caso não haja resposta por parte da administração da RTC, ninguém comparecerá para votar nas próximas eleições, em Cruzinha”.

Esta comunidade também tinha reclamado junto da ELECTRA do direito à iluminação pública, uma vez que pagava a taxa e não tinha o serviço pelo qual pagava. A empresa repôs imediatamente a iluminação pública. Agora, falta resolver o problema das emissões da rádio e tv públicas.

O NN tentou ouvir os serviços técnicos da RTC mas ainda não foi possível.

  1. Pedro Coelho

    Se nessa zona há telefone há sinal da RTC via banda larga . Dai é fácil receber o sinal ZAP e meter um pequeno e barato retransmissoras com um mastro é uma antena que espalharão o sinal.
    Diga se de passagem que essa população não está perdendo nada por não ter acesso aos péssimos programas fabricados na Praia.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.