Aprovação dos estatutos da PJ e RNI: os delegados sindicais estão espantados com a aprovação

15/09/2015 07:17 - Modificado em 15/09/2015 07:17
| Comentários fechados em Aprovação dos estatutos da PJ e RNI: os delegados sindicais estão espantados com a aprovação

PJO Conselho de Ministros em Cabo Verde aprovou os estatutos do Pessoal Docente, da Polícia Judiciária e dos Registos, Notariado e Identificação, diplomas referentes a três classes laborais que tinham partido para a greve para forçar as negociações com o Governo. Os Delegados Sindicais dos Trabalhadores dos Registos, Notariado e Identificação (RNI) e dos Funcionários de Investigação e Apoio à Investigação Criminal da Polícia Judiciária (ASFIC-PJ) foram apanhados de surpresa com essa aprovação e estão a aguardar a publicação dos estatutos para reagirem.

 

Bruno Bila, Delegado Sindical da ASFIC-PJ, afirma que “estamos a aguardar a publicação do estatuto para que possamos ter conhecimento dos itens aprovados e só depois reagiremos”. O líder sindical assegura que foi uma surpresa a aprovação do estatuto da classe que representa. Na mesma posição está o presidente dessa Associação, Mário Xavier, que disse à RCV que se esta aprovação não estiver de acordo com os interesses e direitos da PJ, a luta continuará.

O Delegado Sindical dos Registos, Notariado e Identificação de São Vicente, Valdemar Correia, está de férias e também está estupefacto com a aprovação dos estatutos dos Trabalhadores dos Registos, Notariado e Identificação, contudo garante que “assim que possível reagiremos, porque vamos ainda analisar o conteúdo que foi aprovado”.

O NN através de um e-mail dirigido ao Gabinete de Comunicação e Imagem do Governo solicitou a resposta que os delegados tanto esperam: “para quando a publicação dos estatutos”, porém, até ao fecho desta publicação não houve retorno.

[1] http://inforpress.publ.cv/index.php/PT/politica/116857-conselho-de-ministros-aprova-estatutos-de-tres-classes-em-negociacoes-laborais-com-o-governo

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.