IGT investiga os dois últimos acidentes de trabalho

21/08/2015 09:11 - Modificado em 21/08/2015 09:11

investigação2A Inspecção-geral do Trabalho está a investigar as causas das duas mortes no trabalho que aconteceram nesta semana nas ilhas do Sal e de São Vicente. O Inspector-geral, João Carvalho, em entrevista à RCV garante que, “neste momento, os inspectores da DGT estão no terreno a elaborar inquéritos dos acidentes de trabalho que serão encaminhados ao Ministério Público”.

Ainda não avança nada sobre os relatórios mas diz que está em contacto com os delegados na ilha do Sal e de São Vicente e só depois é que poderá pronunciar-se sobre os resultados dos inquéritos.

Em São Vicente, o acidente aconteceu na zona de Monte numa obra. A vítima, Adriano Tanaia, servente de construção civil, sofreu uma queda da altura dum terceiro andar, quando ajudava um outro colega a montar um andaime. No Sal, um trabalhador morreu quando o camião carregado de pedras com que trabalhava tombou e foi atingido pelas pedras.

  1. Inspecção precisa-se

    Em São Vicente, a Inspecção-geral do Trabalho é um bluff… também pudera, a Sra que a representa é apenas show-off. Inúmeros são os casos relatados à esta instituição, e nada fazem. Os relatos de maus tratos à funcionários (sobretudo nos investimentos estrangeiros), inexistência de condições de higiene e segurança no trabalho, entre outros, são o pão nosso de cada dia. Até parece que o realmente interessa é manter os postos de trabalho, independentemente das condições de trabalho dos funcionários.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.