Festival Mindelact 2015: Apesar das dificuldades continua a aposta na qualidade

20/08/2015 08:50 - Modificado em 20/08/2015 08:50
| Comentários fechados em Festival Mindelact 2015: Apesar das dificuldades continua a aposta na qualidade

teatro3O Festival Internacional de Teatro Mindelact inicia no dia 18 de Setembro até o dia 26 do mesmo mês.Daniel Nascimento Monteiro,presidente da Associação Mindelact diz “que vamos ter um festival de qualidade dentro das possibilidades.”

Os problemas financeiros persistem  este  ano como anunciado em conferência de imprensa. O que impossibilita a vinda de grupos de outros países como Moçambique e Argentina devido ao alto valor das passagens. Apesar disso  Daniel Monteiro garante “boa representação internacional e nacional”.

Do estrangeiro  vêm grupos de Angola (Pitabel), Portugal (Nova Companhia, Ninho de Víboras), Espanha (Enano), Republica Checa (Teatro Trulha) e Brasil (Anonymous Brothers). A prata da casa vem  de Santiago (Djams Project), São Nicolau (Produção para o festival Mindelact). Saõ Vicente vai estar representado pelos Grupos de Grupo do Centro Cultural Português, Companhia 50 Pessoas, Teatro 15, Trupe Pará Moss e  Companhia Criar Teatro. Do Sal  vem um grupo da escola secundária  que participa no evento  depois de ter ganho o primeiro lugar num concurso de teatro.

Para quem aprecia estas iniciativas teatrais, pode ver quatro estreias absolutas. A grande atracção pretende ser a peça “Como quem ouve uma melodia muito triste – Chiquinho”. Daniel adiante que é uma peça que o festival tem feito uma grande aposta, junto com outras instituições como a Câmara Municipal da Ribeira Brava, tendo em conta que o grupo é daquele município. É uma peça que pretende  viajar para Portugal, e outras ilhas do país.

Apesar das dificuldades  há todos os itens dos festivais anteriores: teatro periferia, animação, tetrolândia, festival off, e acções e formação, além do palco principal. E ainda  uma exposição de artes da comunidade dos Rebelados de Santiago.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.