Nova lei do grogue em vigor com cautelas e satisfação

14/08/2015 09:02 - Modificado em 14/08/2015 09:02
| Comentários fechados em Nova lei do grogue em vigor com cautelas e satisfação

grogueJá entrou em vigor a lei do grogue. A nova lei tem como objectivo criar as normas que orientam a produção da aguardente de cana-de-açúcar em Cabo Verde, tendo em consideração os princípios de higiene da produção alimentícia, a protecção do meio ambiente, a protecção e promoção da saúde pública e os direitos dos consumidores e produtores.

O Acto teve lugar em Santo Antão, a principal ilha produtora. Em entrevista à TCV, o edil da Ribeira Grande e do Porto Novo mostram-se satisfeitos com esta nova medida. Em entrevista à RCV, Rosa Rocha diz que está a ser desenvolvido um plano de valorização do grogue que está a ser implementado.

Já para Orlando Delgado, a satisfação prende-se com o facto da iniciativa ter partido dos trapicheiros e não da edilidade. “Toda a ilha está de acordo que é necessário o cumprimento desta lei”, sublinha. Desenvolvemos um plano de valorização do grogue que está a ser implementado dentro do plano vinha.

Para os produtores, a preocupação centra-se com a certificação a nível nacional. “Tendo em conta que a lei passa a regular a produção do grogue, a nossa preocupação é fazer cumprir a lei e fazer com que o nosso produto seja certificado e que tenha uma marca registada e, sem o registo do grogue, é impossível garantir a sua qualidade”, refere um dos produtores.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.