Santiago, São Vicente e Sal são as ilhas que mais contribuem para a riqueza de Cabo Verde

7/08/2015 07:23 - Modificado em 7/08/2015 07:23

escudo cvO estudo resulta de pesquisas que o INE tem vindo a realizar e representa o primeiro passo na desagregação do PIB nacional nos níveis mais detalhados e, no caso de Cabo Verde, o estudo é feito em termos das ilhas.

O estudo engloba todos os sectores de actividade e permite saber qual é a contribuição de cada ilha para a economia de Cabo Verde e as que têm mais e menos peso na estrutura do PIB.

O presidente do INE, António Duarte, disse que a ilha de Santiago gera mais de cinquenta porcento do total da riqueza nacional, seguida de São Vicente e Sal. O estudo concluiu também que a ilha da Boavista duplicou o seu contributo na economia de Cabo Verde, de 2007 a 2012 e, em termos de PIB per Capita, foi a ilha com maior percentagem, seguida do Sal e também da ilha de São Vicente.

Por outro lado, a ilha da Brava, São Nicolau e Maio foram as ilhas que menos peso tiveram na contribuição da economia nacional.

Entre 2007 e 2012, a ilha de Santiago teve um “peso” de 52,3 e de 53,2 porcento, São Vicente contribuiu com 16,1 e 15,2 porcento, o Sal com 12,8 e 10,8 porcento e ainda Santo Antão com 6,7 e 6,2 porcento, sendo as maiores contribuições para a criação da riqueza nacional.

  1. SÓCRATES DE SANTIAGO

    Cadé os nossos regionalistas de costume? Cadé os senhores Eduardo Monteiro, Onésimo Silveira, José Fortes, Arsénio de PIna, António Jorge Delgado e Companhia Limitada? Afinal, quem é que anda a comer no prato do outro? Quem trabalha e gera riqueza, neste País? Os dados do INE vêm demonstrar que, afinal, ao contrário do que muitos ingenuamente pensam, Cabo Verde, sem PRAIA e SANTIAGO, não é nada, pois, quem trabalha, produz e sustenta este País é, seguramente, a GRANDE ILHA DE SANTIAGO.

  2. Sampadjud

    Santiago tita gerà mais riquezas porque gente de soncent tità povoà kel lugar….sr socrates de santiago dze dret: cabo verde enera nada sem santiago…..e acrescento: santiago enera nada sem ess pessoal de soncent….logo ve-se em quem cabo verde depende mesmo

  3. Derry Pereira

    Claro, infelismente todas as fontes de rendimento das outras ilhas foram transferidas para a capital, não têm como não ser a principal fonte de rendimento, mas como sempre a custa dos outros, Regionalização tud vez, com o a regionalização, gostaria de ver se o resultado seria o mesmo

  4. Flavio

    Olá! SÓCRATES DE SANTIAGO, o estudo tem números, sim, mas é claro e não temos duvidas k Santiago gera mas riquezas para o Pais, não existem uma formula exata para a tomar de decisões meu caro, qualquer pessoa tenta tomar a melhor decisão, para o efetivo desenvolvimento harmonioso do Pais, Partidarismo Não, Cabo Verde sim!, tudo tem vantagens e desvantagem, rumo a um Cabo Verde justo, sem Bairrismo, somos um só Pais. “Fica á Dica, peça a alguém para te ajudar a interpretar Dados.”

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.