Brasil conquista ouro em argolas

7/08/2012 00:05 - Modificado em 7/08/2012 00:35
| Comentários fechados em Brasil conquista ouro em argolas

O ginasta brasileiro Arthur Nabarrete Zanetti conquistou a medalha de ouro na prova de argolas, destronando o “invencível” chinês Chen Yibing. Esta medalha olímpica constitui a primeira na história da ginástica artística brasileira. Arthur com 15.900 pontos conseguiu assegurar a medalha, enquanto Chen Yibing foi segundo, com 15.800, e o italiano Matteo Morandi terceiro, com 15.733.

 

Tetracampeão mundial, Chen Yibing foi medalha de ouro em Pequim’2008 e, desde então, esta foi a sua primeira derrota internacional.

 

Nunez revalida título em lutas amadoras

O cubano Mijain Lopez Nunez revalidou o título olímpico da classe 120kg de lutas amadoras, batendo na final o estónio Heiki Nabi, triunfando por 3-0.

Nunez, não deu hipótese ao seu adversário com um combate resolvido em dois assaltos. Contabeliza agora cinco títulos mundiais e dois olímpicos no currículo. Quanto ao bronze, foi conquistado pelo turco Riza Kayaalp e pelo sueco Johan Euren.

 

Ouro para Jennifer Suhr em salto com vara

A atleta norte-americana Jennifer Suhr conquistou a medalha de ouro do salto com vara dos Jogos ao saltar 4,75 metros. Suhr conseguiu o mesmo registro que a cubana Yarisley Silva, mas teve a vantagem de nos ensaios. O bronze foi para Yelana Isinbayeva, com 4,70.

 

Estrela emergente do Granada ganha ouro nos 400 metros

A medalha de outro nos 400 metros foi ganha pelo atleta de Granada, Kirani James conquistou com a marca de 43,94 segundos. James, que completará 20 anos em Setembro, parece despontar como o novo grande nome dos 400 metros, sagrando-se campeão olímpico um ano depois do título mundial em Daegu, na Coreia do Sul.

 

A medalha de prata foi para o dominicano Luguelin Santos, com 44,46 segundos, enquanto o atleta de Trindade e Tobago Lalonde Gordon foi medalha de bronze, com um tempo de 44,52 segundos.

 

 

Ainda no atletismo

A atleta russa Yuliya Zaripova conquistou hoje a medalha de ouro dos 3.000 metros obstáculos ao vencer a prova em 9.06,72 minutos. Zaripova, campeã do Mundo no ano passado em Daegu, Coreia do Sul, acabou por voltar a surpreender, como já o tinha feito na altura dos campeonatos do Mundo.

A medalha de prata foi para a tunisina Habiba Ghribi, com 9.08,37, enquanto a de bronze foi para a etíope Sofia Assefa, com 9.09,84.

 

Bielorussia conquista ouro no lançamento do peso

A Nadzeya Ostapchuk não deu Hípotes a concorrência vencendo no lançamento do peso. Depois de ter sido quarta em Atenas’2004 e terceira em Pequim’2008, Com um arremesso de 21.36 metros, realizado na terceira tentativa, a bielorrussa deixou a neozelandesa Valerie Adams no segundo posto com um alçamento de 20.70 metros, enquanto Evgeniia Kolodko com 20.48 metros ficou com o bronze.

 

Hipismo -Saltos por equipa

A Grã-Bretanha conquistou a medalha de ouro no concurso equestre de saltos por equipas. A equipa formada por Nick Skelton, Ben Maher, Scott Brash, e Peter Charles alcançou um feito que a Grã-Bretanha não conseguia na modalidade desde 1952, nos Jogos de Helsínquia. Última vez que a Grã-Bretanha tinha conquistado uma medalha no concurso equestre de saltos, a prata, tinha sido em 1984, nos Jogos Olímpicos de Los Angeles.

 

A Holanda e a Arábia Saudita conquistaram as medalhas de prata e bronze, respectivamente.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.