Pena suspensa para pai acusado de violar a filha de oito anos

17/07/2015 08:10 - Modificado em 17/07/2015 08:57

TribunalUm homem acusado de violar de forma contínua a filha de oito anos foi condenado a três anos e seis meses de prisão, mas com pena suspensa.

 

O 2º Juiz Crime da Comarca de São Vicente condenou, nesta quarta-feira, dia 15, a uma pena de prisão de três anos, suspensa por 3 anos e seis meses, um homem de 33 anos, acusado de violar a filha de oito anos.

 A menor, na altura com 10 anos, era abusada sexualmente desde os oito anos.

Apesar de estar acusado de violação sexual com penetração agravada e de forma contínua, o arguido negou a prática do crime de que estava a ser acusado.

A menor de 10 anos acusa o próprio pai de ter abusado sexualmente dela várias vezes. O abuso era realizado à noite, quando a mãe se encontrava a dormir. O pai da menor aproveitava do momento para se dirigir ao quarto das suas filhas menores, sem que a mãe se apercebesse.

De acordo com os depoimentos, os factos aconteceram em 2014 e só foram conhecidos depois da menor ter “timidamente” desabafado com a irmã mais velha. Mediante essa confissão, a mãe da menor fez a denúncia à PJ.

A menor passou a ser acompanhada pelo ICCA em São Vicente.

  1. Tsipras

    Cada dia cabo verde esta um comédia. Pena suspensa????? porque????

  2. Djê Guebara

    Deveria ser capado.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.