Onésimo Silveira: “os cabo-verdianos continuam a desejar a independência como pão para a boca“

8/07/2015 07:54 - Modificado em 8/07/2015 07:54

onesimo silveira8A Universidade do Mindelo inaugurou, na  de terça-feira, o seu auditório que tem como patrono, Onésimo Silveira. Durante o acto de inauguração o Primeiro-ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, em seu discurso, realçou a qualidade do Dr. Onésimo Silveira como um homem plural e que muito tem contribuído para o desenvolvimento do país.

“Onésimo Silveira é um daqueles intelectuais cabo-verdianos a quem devemos permitir doravante que nos diga absolutamente o que pensa sobre Cabo Verde e sobre o futuro, estando nós de acordo ou não com ele, assegura o Neves.

Ainda no seu discurso JNM garantiu que “sempre haveremos de encontrar ideias inovadoras no discurso de Onésimo Silveira. Ideias que hão-de funcionar sempre como força fermentadora de processos transformacionais aqui em Cabo Verde”, conclui.

A inauguração acontece em saudação ao sete de Julho dia em que São Vicente recebia as festas de independência de Cabo Verde, em 1975.

Uma data que está ligada a figura do homenageado, como combatente da liberdade da pátria, personalidade das letras das ciências politicas.

A atribuição desta homenagem é considerada uma honra por Onésimo Silveira. O homenageado fez uma reflexão sobre aquilo que é Cabo Verde actualmente e conclui que :  “ os quarenta anos da independência do país varreram as lembranças da fome e outras dificuldades, mas  os Cabo-verdianos continuam a desejar a independência com pão para a boca. Pois,  ambicionamos ser um país desenvolvido e iremos lá mas é uma questão de corrigir políticas de criar novas formas de estar no país e dar a cada cabo-verdiano a possibilidade de pronunciar livremente sobre o seu futuro”

De acordo com o reitor da instituição, Albertino Graça a atribuição do nome de Onésimo Silveira ao auditório da universidade é considerado como um justo reconhecimento sobre esta figura incontornável da ilha e do país.

“A universidade do Mindelo decidiu atribuir o nome ao auditório a um cidadão que muito contribui e continua a contribuir para o desenvolvimento de São Vicente e de Cabo Verde, com destaque para a sua dimensão intelectual, cultural, política e social”.

  1. AmiUsa

    Sim, ouvimos bem “dar a cada caboverdeano a possibilidade de se pronunciar livremente sobre o seu futuro”. Com isso pareceu-me compreender que basta de nomeações e apontamentos por parte de partidos. Na urna uma cabeça um voto. Vamos as eleições livres e entregar ao povo o que lhe pertence, CV é ca de nenhum partido mas sim é de todos que se sentem caboverdeanos!

  2. Ema Rodrigues

    Como é posivel o PM reconhecer publicamente o bem fundado do que diz o Dr. Onésimo Silveira e continuar a fazer precisamente o contrario ?

  3. Julio Goto

    … muitos dizem o Onesimo e complicado ,ja liderou as fileiras do PTC do PAIGC/CV etc…
    Quem promete deve cumprir.
    Para mim ele e um homem que faz o CONTRATO com o eleitorado ponto e basta.
    Ao contrario de outros que fazem o contrato com o partido para enganar o eleitorado.
    Cuxim catem papa na linga !Um grande homem ,um Mindelense e um Caboverdeano.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.