Emigrante acusado de crime de condução sob efeito de álcool

2/07/2015 08:03 - Modificado em 2/07/2015 08:03
| Comentários fechados em Emigrante acusado de crime de condução sob efeito de álcool

alcoolO homem que bebeu e conduziu sob efeito de álcool e que provocou um acidente na zona de Fernando Pó, está a ser julgado pelo Tribunal de São Vicente. O arguido que é emigrante em Itália diz ter ingerido 4 garrafas de cervejas grandes e mais duas pequenas.

O 1º Juízo Crime da Comarca de São Vicente procedeu, nesta quarta-feira, à audiência do julgamento de um homem acusado da prática de crime de condução sob efeito do álcool.

O indivíduo de 44 anos e emigrante na Itália foi abordado pela Polícia quando se encontrava na zona de Fernando Pó onde terá perdido o controlo da viatura provocando um acidente ligeiro, quebrando “um lancil” na estrada.

O indivíduo foi submetido ao teste de alcoolemia que acusou uma taxa de 2.10 g/l de álcool no sangue que, de acordo com o representante do Ministério Público, equivale a 5,25 vezes mais aquilo que é permitido por lei (0,40 g/l de álcool no sangue).

O caso ocorreu no dia 14 de Junho, quando o arguido resolveu beber alguns copos na companhia de um amigo, na sequência da festa de Santo António, na zona de Horta Seca.

O arguido admitiu ter ingerido 4 garrafas grandes de cerveja e mais duas pequenas e de estar “tonto”.

Para o Ministério Público, o arguido colaborou para a descoberta da verdade, pois assumiu ter conduzido sob o efeito do álcool. O mesmo defende que o arguido praticou os crimes de que é acusado de modo que deverá ser condenado pelo crime.

A leitura da sentença será proferida amanhã dia 03 de Julho.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.