Projecto de reforma do sector de água, saneamento e higiene

19/06/2015 08:29 - Modificado em 19/06/2015 08:29
| Comentários fechados em Projecto de reforma do sector de água, saneamento e higiene

agua torneiraO Millenium Challenge Corporation (MCC) esteve dois dias no terreno constatar como està a decorrer a execução do  projecto referente a reforma do sector de água, saneamento e higiene em São Vicente, Porto Novo, Paul e Ribeira Grande.

Joana Brito directora adjunta do MCC diz que estão bastante satisfeitos com a implementação do projecto, com como o seu andamento e a satisfação das famílias que são as maiores beneficiadas do projecto.

São no total 1200 famílias de São Vicente e de Santo Antão a serem ligadas as redes públicas de água e esgotos. Com este projecto, de acordo com a directora adjunta do MCC, “ter água dentro de casa beneficia grandemente a família porque poupa tempo, assim em vez de deslocar ao chafariz ou ao ponto de água, agora a família já tem água dentro de casa e esse tempo pode ser dedicado a outras coisas. Para não falar dos benefícios de saúde, que é ter água e uma sanita dentro de casa traz”, esclarece Joana Brito que acredita que as obras estarão finalizadas dentro do plano estabelecido, que é nos finais de agosto.

“Neste momento a implementação esta a cerca de 60%, contamos que até finais de agosto, que é o prazo limite consiga-se atingir o alvo” conclui.

Com a implementação do projecto confiada a associação Amigos da Natureza, com quem o fundo de apoio social parte integrante do fundo de água e saneamento do MCA, assinou um protocolo em Novembro de 2014, na voz do seu presidente, Aguinaldo David, diz que o bom desempenho dos trabalhos deve-se as fortes parcerias conseguidas, tanto com as Câmaras Municipais, bem como a Electra que é a dona da rede, mas também com os serviços autónomos de água e saneamento dos três concelhos de Santo Antão.

Além destas parcerias o presidente dos Amigos da Natureza realça também a participação das famílias “e a sua comparticipação ultrapassa os 20% estabelecidos pelo financiador”.

Aguinaldo David espera que as famílias façam bom uso desses recursos. E até final de agosto espera-se que o objectivo seja alcançado e que todas as 1200 famílias do programa sejam contempladas pelo projecto.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.