Leonesa Fortes: “Mindelo Metting Point constitui um ponto de viragem”

8/05/2015 08:13 - Modificado em 8/05/2015 08:13

mindeloA cidade do Mindelo acolhe deste ontem ,7, na Academia de Musica Jotamonte, a primeira edição do «Mindelo Meeting Point», um fórum turístico internacional que pretende captar investimentos e novos projectos para a região norte do país.

A cerimónia contou com a presença do presidente da Câmara de Turismo de Cabo Verde, Gualberto do Rosário e do presidente da Câmara de Comércio de Barlavento, Belarmino Lucas, do presidente da Câmara Municipal de São Vicente, Augusto Neves e da Ministra do Turismo, Desenvolvimento e Investimentos Empresarial, Leonesa Fortes.
Durante o seu discurso, Augusto Neves fez uma breve abordagem sobre a situação de São Vicente. De acordo com o presidente da Câmara  Municipal de São Vicente, os sanvincentino tem muitos motivos para se orgulhar da sua cidade. “Mindelo não é um simples aglomerado urbano e por isso não pode ser tratada de qualquer jeito. Precisa saber modernizar o seu funcionamento, mas sem ferir as suas tradições, precisa saber que a cidade é um património que tem de ser preservado para as gerações futuras, mas ao mesmo tempo não podemos esquecer que Mindelo é uma cidade viva dinâmica e que não pará de se transformar”. Neves afirma que o objectivo da edilidade é ter uma relação de cordialidade com o governo, buscando novas parcerias onde quer que estejam e também exigir aquilo que Mindelo “merece e tem direito”.

Neves diz ainda que é preciso aproveitar da melhor forma possível esses eventos. “Queremos que estes eventos tragam benefícios reais para os moradores daqui. Vamos trabalhar para que São Vicente seja orgulho de todos nós mindelenses. Vamos trabalhar para que a nossa população esteja preparada para os empregos que podem surgir com este processo”.

Calcula-se que em 2011 o sector de turismo foi responsável por mais de noventa e oito milhões de empregos directos e duzentos e cinquenta e cinco milhões empregos indirectos em todo mundo, referiu o edil mindelense.
Para o edil mindelense o turismo tem o potencial para ser o motor da nossa economia e afirmando ainda que mindelo tem tudo para ser a capital da diversidade cultural e do turismo em cabo verde, “só precisamos nos preparar para isso”, esclarece. “Eu me atrevo a dizer que o mindelo é a cidade do coração de todos os caboverdianos. Sempre fomos conhecidos pela receptividade e alegria”.

Para a Ministra do Turismo, Desenvolvimento e Investimentos Empresarial, Leonesa Fortes, o “Mindelo Metting Point” constitui um ponto de viragem.porque com este evento pretende-se um processo que visse num futuro bem próximo a consagração da região norte, compreendendo as ilhas de Santo Antão São Vicente e São Nicolau, como uma região turística de qualidade, competitiva com a escala global.

De acordo com a Ministra Leonesa Fortes com a realização deste evento pretende-se apresentar e discorrer sobre as inúmeras potencialidades que esta região norte tem para oferecer, criar as condições para atrair investimentos externos e mobilizar financiamentos para erguer as infraestruturas que a região também precisa para atrair turistas e assim constituir-se num destino turístico de qualidade no diverso das nossas ilhas e no factor preponderante do desenvolvimento do turismo ao serviço de cabo verde. E também reunir as condições para uma efectiva atracção de atenções de promotores turísticos nacionais e internacionais, de investidores institucionais, de operadores turísticos e de cadeias hoteleiras de renome internacional, visando o financiamento do desenvolvimento do turismo e de projectos turísticos identificados e previstos para a região de Cabo verde.

O evento está dividido em sete grandes temas, nomeadamente, «potencialidade de investimento e a imobiliária turística», «infra-estruturas», «cultura como produto turístico», «saúde e turismo», «ordenamento do território e saneamento» e «financiamento».

  1. antónio dos santos

    Augusto Neves fez uma breve abordagem”..diz a Jornalista. Pelo contrário só a cumprimentar as pessoas ultrapassou os limites e o discurso dele foi pouco ou nada perceptível. Alguém amigo dele deve ajudar-lhe neste capítulo, por que desmobiliza as pessoas. Quando ao resto, foi uma brincadeira: então Almada e o outro fulano que se lhe seguiu até parece que se foi arranjar um pretexto de arranjar umas massas aos rapazes.

  2. Julio Goto

    …espero que essa viragem nao e para abrir o caminho das sucessivas mentiras LEGISLATIVA.
    Depois de terem afundado com o Porto de Aguas profundas no Lazarete ,querem outra vez enganar o Povo de Sao Vicente..
    Mentira do PAICV ja ta demas.Eles nao tem nenhuma visao para a Ilha que antes da independencia foi a PEROLA que mais brilhou na coroa de Cabo Verde

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.