Alemanha tem 2,8 milhões de desempregados

1/08/2012 01:04 - Modificado em 1/08/2012 01:04
| Comentários fechados em Alemanha tem 2,8 milhões de desempregados

O número de desempregados na Alemanha aumentou 67 mil em julho em comparação ao mês anterior, passando para 2,87 milhões, tendência habitual no verão, embora desta vez tenha sido mais acentuada, sublinharam vários analistas.

 

A quota de desemprego da maior economia europeia subiu assim 0,2% no espaço de um mês, para 6,8%, revelou hoje, em Nuremberga, a Agência Federal do Trabalho (BA).

 

Na comparação homóloga (com o mesmo mês do ano passado) registou-se, no entanto, uma queda da ordem dos 63 mil desempregados.

 

Se forem tidos em conta os chamados efeitos de sazonalidade, o aumento do número de desempregados foi de sete mil em Julho na comparação em cadeia, adiantou ainda a BA.

 

“O desemprego subiu devido à sazonalidade que se regista habitualmente em Julho, mas a tendência no mercado de trabalho alemão em Julho foi positiva, no seu conjunto”, disse na apresentação dos novos dados o presidente da BA, Frank-Juergen Weise.

 

“Há, no entanto, sinais de um mais fraco desenvolvimento”, reconheceu o mesmo responsável.

 

A subida do desemprego em Julho é atribuída ao facto de se tratar de um mês de férias, em que muitos empresários adiam a criação de novos postos de trabalho até ao final do verão, e muitos jovens saídos das escolas secundárias ou universidades se inscrevem pela primeira vez nos centros de emprego.

 

Porém, o aumento do número de desempregados neste Julho foi mais acentuado do que nos últimos anos no mesmo mês, em que a média foi de 45 700.

 

 

oje.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.