Os 10 casamentos mais curtos de Hollywood

1/08/2012 00:06 - Modificado em 1/08/2012 00:06
| Comentários fechados em Os 10 casamentos mais curtos de Hollywood

Duraram pouco. Muito pouco. Muito muito pouco. Saiba quais foram os casamentos com menos prazo de validade no mundo do cinema.

Muito se tem lamentado o fim da relação de Demi Moore e Ashton Kutcher, mas a verdade é que, para Hollywood, durou um balúrdio de anos: 6. O meio do cinema não é o mais favorável a casamentos duradouros, mas mesmo para Hollywood, há enlaces que duraram quase só tempo de dizer ‘sim’…

Rudolfo Valentino e Jean Acker

Duração: 6 horas

Se pensavam que o amor de Kim Kardashian e Kris Humphries tinha batido o recorde dos casamentos curtos, aqui se prova que a fragilidade das uniões de Hollywood não vem de hoje. Já em 1919 os dois atores se desentenderam em menos tempo do que leva à maioria dos casais para simplesmente casar. Bem: casaram, ela arrependeu-se imediatamente (podia ter pensado nisso antes mas há coisas que só se descobrem depois da asneira feita) e fechou-se no quarto de hotel. Ele voltou para casa. Fim.

Britney Spears e Jason Alexander

Duração: 2 dias

Este não sabemos se conta: casaram em Las Vegas, em 2004, só porque era divertido. Perceberam rapidamente que era só uma brincadeira. Enfim. Próximo.

Carmen Electra e Dennis Rodman

Duração: 9 dias

A actriz acusou-o de estar drogado, o basquetebolista não a acusou de nada. Também já podiam ter tratado do problema antes.

Rennée Zellweger e Kenny Chesny

3 Meses

Os amigos achavam que eles não tinham nada em comum. Como de costume, os amigos têm sempre razão. 3 meses depois, a atriz e o cantor de ‘country’ separaram-se, alegando… não ter nada em comum. Da próxima vez, convém dar ouvidos aos amigos.

Jennifer Lopez e Cris Judd

Duração: 4 meses

A diferença entre os divórcios de Hollywood e os da vida real é que os primeiros costumam sair bem mais caros. Depois da separação, Judd meteu ao bolso 15 milhões de dólares. Não fiquem com pena da noiva, que ainda antes do divórcio sair, metia no dedo um anel de noivado de Ben Affleck. Também se sabe como essa história acabou. Conclusão: nenhuma. Estão bem uns para os outros.

Colin Farrel e Amelia Warner

Duração: 4 meses

Mais um casal fã dos casamentos ‘a brincar’. Estes foram ‘casar’ a Bora Bora. ‘Divorciaram-se’ pouco depois, aliás nem foi um divórcio porque a cerimónia não teve valor legal. Infelizmente, Colin já tinha tatuado o nome de Amelia. Conclusão: Pensem bem antes de casar, e ainda melhor antes de tatuar.

Drew Barrymore e Tom Green

Duração: 5 meses

A actriz e o comediante não foram felizes para sempre: pouco depois do casamento, Green teve cancro nos testículos e a casa de Drew foi destruída por um fogo. Enfim, há quem tenha sobrevivido a outros desastres, mas para eles a frase ‘para o melhor e para o pior’ aparentemente não era para ser levada à letra.

Shannen Doherty e Ashley Hamilton

Duração: 5 meses

Casaram depois de um namoro de dois meses. Separaram-se depois de ela lhe ter apontado uma pistola à cabeça. Conclusão: antes de casar, verificar se o parceiro tem licença de porte de armas.

Nicholas Cage e Lisa Marie Presley

Duração: 6 meses

Nicholas sempre se confessou fã absoluto de Elvis. Se toda a gente casasse com as filhas dos seus ídolos, estávamos bem arranjados. Conclusão: Freud explica.

Kim Kardashian e Kris Humphries

Duração: 10 semanas

E cá estamos no divórcio do ano: seria de esperar que alguém que gasta uma fortuna na festa de casamento iria levar a coisa mais a sério. Pelos vistos, aqui se prova que a grandiosidade da festa nem sempre é directamente proporcional ao amor envolvido. Ninguém sabe ao certo que correu tão mal em apenas dois meses e meio entre a estrela dos ‘reality shows’ e o basquetebolista, mas o que quer que seja, deve ter sido mesmo mau.

activa.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.