Morte Fredilson Delgado: suicídio ou assassinato?

7/04/2015 07:39 - Modificado em 7/04/2015 07:39

COOKIE2Fredilson Delgado, jovem de 27 anos de idade, residente na zona de Campim, baleado na zona de Fonte Filipe na madrugada de domingo, era um jovem calmo e membro activo da sociedade que defendia e lutava pela paz e tranquilidade. Fredilson gostava de artes marciais e treinava um grupo de pessoas, sobretudo, mulheres para defesa pessoal.

Recorda-se que o corpo do jovem foi encontrado baleado na cabeça, na manhã de domingo, dia 05 de Abril, na zona de Fonte Filipe, onde residia a namorada. A arma foi encontrada ainda no local do crime. De acordo com o exame radiológico realizado pela Delegacia de Saúde, o jovem tinha um projéctil alojado no crânio. Mas a  PJ ainda não esclareceu se trata de um suicídio ou assassinato. Os familiares acreditam na última  hipótese .

Numa abordagem feita pelo NN à família de Fredilson Delgado, jovem morto a tiro na madrugada deste domingo, ficámos a conhecer o perfil do jovem que perdeu a vida com apenas 27 anos.

COOKIE2Segundo conta Ericson Delgado, irmão da vítima, Fedilson foi um jovem trabalhador, bastante esforçado, gostava de desporto e era amante de artes marciais.

Ainda de acordo com o irmão, Fredilson saiu do serviço militar há pouco tempo e com certificado de mérito em todas as categorias. “Só não conseguiu prosseguir na carreira militar porque tinha apenas o 10º ano de escolaridade”. No entanto, há cerca de quatro meses que Fredilson tinha iniciado a trabalhar como segurança na empresa Frescomar.

Fredilson foi um membro activo da sociedade que lutou a favor da paz. Em 2011, altura em que São Vicente estava a passar por um período difícil e de muita violência movida pelos grupos de Gangs, o jovem criou e preparou um grupo de pessoas para auto-defesa no caso de assalto. O grupo tinha como lema, disciplina, honestidade e ser membro activo da sociedade.

Infelizmente, o jovem não conseguiu levar adiante o projecto que contava com a participação de um grande número de pessoas, nomeadamente mulheres. Isto porque a morte veio interromper a sua conclusão.

Os familiares orgulhavam-se de Fredilson, por ser um jovem que sempre lutou pela sua independência e para o bem da sociedade. Deu provas de ser um jovem responsável e com espírito de luta. A vida do jovem amante do boxe, artes marciais e do desporto terminou de forma trágica, conta o irmão.

A vítima não deixou filhos, mas deixou de rasto toda a família e um grande número de amigos que quiseram acompanhar o funeral que aconteceu na manhã desta segunda-feira.

Segundo os familiares de Fredilson, a vítima não tinha inimigos e garantem que não teve conflitos com ninguém. No entanto, a família acredita que o jovem Fredilson foi morto.

Foi mais um caso em que a sociedade perdeu um jovem por conta da violência gratuita que lhe roubou a vida. Os familiares desejam que seja descoberta a verdade dos factos e que justiça seja feita.

O caso está sob a alçada da PJ que, por enquanto, não adiantou os meandros do crime.

  1. joan carlos

    Todos sabem que foi suicidio. Por isso não houve violencia gratuita. Perguntem as Policias e tenham a coragem de dar a conhecer ao público este comentário.

  2. noticias do norte

    o NN deve começar a falar a verdade e não criar factos que só são vistos pelo director do jornal e seus jornalistas. O rapaz era tão pacifico mas tão da paz que andava armado com a arma que se suicidou. Todos no trabalho sabem que a arma era dele. Querem inventar um homicídio porquê? aceitem que ele se suicidou pelo motivo mais infantil do mundo. O laudo da autopsia já está e não resta duvida da causa da morte.

  3. Carla

    Minhas condolências a família e os amigos da vitima.
    Talvez a pessoa que se identificou por noticias do norte, é a pessoa mais sábia do mundo, mas que não respeita a dor dos outros.
    Se a arma pertencia a vitima não se sabe. Se o jovem era calmo ou não isto quem o pode afirmar são os familiares. Homicídio ou não quem deverá esclarecer é a PJ e não os que vem armados em sábios, médicos, inspectores.

  4. squad

    mi um uvi dze ke se namorada dar corrida por isso el suicida….outra coisa, sempre que morre alguem ele era uma pessoa calma, passifica, não gostava de violência……….ja começo a suspeitar destas afirmações

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.