Resulta em dois anos de pena suspensa

16/03/2015 02:15 - Modificado em 16/03/2015 02:15
| Comentários fechados em Resulta em dois anos de pena suspensa

cannabisJovem surpreendido com plantação de “cannabis” no quintal de casa, condenado a um ano de prisão com pena suspensa por dois anos.

 

Parte inferior do formulário

O Tribunal de São Vicente condenou a uma pena de prisão suspensa por dois anos um jovem detido na posse de 87,74 gramas de “cannabis”. O jovem acusado de tráfico de drogas foi surpreendido pela Polícia com uma plantação ilícita de erva dentro do próprio quintal.

O Tribunal deu como provado o crime de tráfico de estupefacientes de que o arguido estava a ser acusado.

O suspeito assumiu ser um consumidor, mas negou os factos alegando que desconhecia da existência da planta, pois já não residia naquela casa onde a planta crescia de forma contínua sem se dar conta.

Os factos ocorreram em Julho do ano passado na sequência de uma chamada da Polícia para resolver uma situação de distúrbio na zona da Ribeirinha, em São Vicente.

Segundo a acusação deduzida pelo Ministério Público (MP), o indivíduo andava no tráfico há muito tempo, pois quando são detidos é porque já foram perpetuadas “N” situações relacionadas com o tráfico.

Por isso, não parece razoável ser um consumidor, visto que a quantidade apreendida era elevada para o próprio consumo, pois praticou os crimes de que é acusado e deverá ser condenado.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.