Empreendedorismo Feminino: “Discriminação positiva”

27/02/2015 07:54 - Modificado em 27/02/2015 07:54
| Comentários fechados em Empreendedorismo Feminino: “Discriminação positiva”

A Associação dos Jovens Empresários de Cabo Verde (AJEC) em parceria com a Agência para o Desenvolvimento Empresarial e Inovação (ADEI) lança o 2º concurso de Empreendedorismo Feminino com inscrições até ao dia 18 de Março. Este projecto visa promover a participação das mulheres no meio empresarial cabo-verdiano e premiar projectos com qualidade.

“O Empreendedorismo Feminino pretende atribuir às mulheres, capacidades técnicas de gestão de micro e pequenas empresas e incentivá-las a implementar o próprio negócio”, refere Pedro Ribeiro, Gestor de Incubadora Multissectorial de São Vicente. Existem “incubadoras” em São Vicente e em Santiago que recebem os “projectos Femininos” e apoiam no desenvolvimento dos mecanismos para a implementação das novas empresas.

O Concurso Empreendedorismo Feminino conta também com a parceria da AMES, MORABI e SOLMI. Desse concurso sairão 2 vencedoras da ilha de São Vicente e 2 vencedoras da ilha de Santiago, sendo que o 1º lugar receberá um prémio monetário de 200 mil escudos e a integração nas incubadoras durante 2 anos mediante vaga e o 2º lugar, usufruirá de um prémio monetário de 150 mil escudos e também da integração nas incubadoras num modo virtual.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.