Assassínio na Rua de Coco: PJ detém suspeito

19/02/2015 08:00 - Modificado em 19/02/2015 08:00

FACA

A Polícia Judiciaria deteve , ontem  de tarde, o responsável pelo assassinato  de Nelson Jorge Nascimento dos Santos, de 26 anos, que  foi encontrado morto nas imediações da Rua do Coco em Mindelo. A morte não resultou de um assalto , mas sim de um golpe de faca desferido pelo agressor após um  desentendimento com a vítima.

A Policia Judiciaria deteve , ontem de tarde, o responsável pelo assassinato de Nelson Jorge Nascimento dos Santos, de 26 anos, que  foi encontrado morto nas imediações da Rua do Coco, em São Vicente, na madrugada de terça –feira. De acordo com a PJ o individuo foi detido devido a informações recolhidas que conduziram ao suspeito que acabou por confessar o crime. E com base na confissão e no depoimento das testemunhas, o agressor atingiu a vítima  com uma facada no pescoço na sequência de uma discussão. A PJ também apurou que a vítima e agressor  não se conheciam,  e por isso  não havia motivos  para  conjecturar que se tratou de  um ataque premeditado. A hipótese de assalto colocada pelos  familiares  também caiu por  terra com a investigação da PJ.

O corpo de Nelson foi encontrado por um conhecido que chamou a Polícia que ao chegar ao local encontrou o corpo  no chão já sem vida e completamente ensanguentado. Os familiares disseram que “Nelson sempre foi um jovem calmo, gostava muito de brincar e nunca foi um jovem violento”.

Nelson dos Santos era segurança da SILMAC ,  segundo a irmã o jovem saiu acompanhado de um amigo para verem o desfile do grupo carnavalesco Samba Tropical. O amigo da vítima regressou a casa, mas Nelson resolveu regressar mais tarde e na volta para casa foi atingido com uma facada no pescoço na sequência de uma discussão.

  1. ADMILSON DA ROSA

    PARABÉNS A POLICIA JUDICIARIA QUE MESMO SEM MEIOS CONSEGUE TRABALHAR

  2. Pedro Silva

    Por amor de deus, produzam noticias com informações concisas e não contem histórias porque o conteúdo ali transcrito já não é noticia uma vez que é uma história contada entre todos nesta Cidade; Por exemplo quem é o criminoso? qual o móbil? onde está a cara do assassino? Tenham cuidado pq se fosse uma vitima de agressão sexual, de certeza não hesitavam em publicar-lhe o rosto, sem lembrar do mal que isso lhe pode causar.

  3. E ainda ha pessoas contra pena máxima …brincadeira ..quando isso chegar aos vossos familiares veram que a pena máxima e aumento significativo das penas terá de ser uma realidade em Cabo Verde…. Já não há respeito pela vida das pessoas ,tirasse uma vida por nada …… Se os nossos Políticos e essa políticas de …não mudar e se os nossos magistrados não encararem com mãos pesadas a criminalidade reinará a lei marcial em Cabo Verde ….dente por dente e olho por olho e cada um com a sua arma

  4. Monteiro

    Quem será o advogado deste diabo???

  5. Joao da Cruz Lopes

    Pena maxima nao resolve nada. Sou a favor de um preso pagar para a sua estadia na cadeia “trabalho duro” “produzir para viver” para evitar que a cadeia se transforme num hotel. As instituicoes tem que funcionar como tal. Uma das instituicoes que deve ser limitado e o “direitos humanos” e a forma como os juizes aceitam os argumentos dos advogados para que os assassinios sejam soltos em pouco tempo

  6. Mindelense

    Tento entender até hoje o porque de uma pessoa sair a noite armada para se divertir, alegando de que carrega uma arma para a sua segurança? Se arma fosse algo de bom, não teria esse nome, mas sim, mel, sorvete, beijo, etc…., por isso, se comprovado os factos, esse meliante, assassino e animal deve podrecer na cadeia, em que se fosse meu filho, com certeza, ficaria o aguardando até o dia que saisse da cadeia pra lhe dar o mesmo destino.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.