Basquetebol: “Tubarões Martelo” preparam jogo de apuramento

11/02/2015 08:29 - Modificado em 11/02/2015 08:29
| Comentários fechados em Basquetebol: “Tubarões Martelo” preparam jogo de apuramento

basketcv01_01_03_2013A Selecção Cabo-verdiana de Basquetebol joga a partir de quinta-feira (12 a 14), na cidade da Praia, o acesso à próxima edição do Afrobasket a ser disputado em Tunes, capital da Tunísia, durante o mês de Agosto.  

 

Segundo o site da Federação Cabo-verdiana de Basquetebol, a Selecção de Basquetebol treinou ontem (10) no Polidesportivo Vavá Duarte, com vista às eliminatórias para o Afrobasket 2015.
As selecções nacionais de Cabo Verde e da Guiné Conacri defrontam-se quinta-feira e sábado (12 e 14)  no Pavilhão Desportivo Vavá Duarte, na Cidade da Praia, em jogos de qualificação para o Afrobasket’2015.

Os trabalhos de preparação para as eliminatórias da Selecção Nacional frente à Guiné Conacri, que há uma semana são realizados no pavilhão desportivo do Bairro Craveiro Lopes, vão prosseguir no “Vavá Duarte”, palco que vai acolher os dois jogos.

É imprescindível que Cabo Verde comece a adaptar-se ao novo piso como forma de tirar melhor proveito do factor casa nos dois jogos da eliminatória com a Guiné Conacri.

O objectivo da Selecção Nacional é qualificar-se para o Afrobasket 2015 que vai ser disputado em Agosto, na Tunísia.

O seleccionador nacional, Rodrigo Mascarenhas tem à sua disposição 14 atletas.

Da lista dos convocados constam: Edivaldo, Dany e Kevin, do ABC da Praia, Michel, Márito, Braima e Fídel, do Bairro de São Vicente, Vany e Fredy da Académica de Mindelo e Hernany e Sandir dos Vets, Dimitri Coronel e Bryan Rudolph dos USA e Ady Tmac dos Seven Stars. Koni Coronel ainda pode juntar-se aos “Tubarões Martelo”. Rodrigo Mascarenhas terá de escolher os 12 que na quinta-feira e no sábado (12 e 14)  irão defrontar a Guiné Conacri.

Se conseguir o apuramento, será a quinta participação dos “Tubarões Martelo” na maior prova de selecções de basquetebol em África, onde a sua melhor prestação até agora foi o terceiro lugar e respectiva medalha de bronze em 2007, em Angola.

Os ‘Tubarões Martelo’ ocupam a 54ª posição no ‘ranking’ mundial da FIBA e a oitava a nível africano.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.