Dois aviões utilizados na busca dos pescadores desaparecidos, mas sem resultados

15/01/2015 07:37 - Modificado em 15/01/2015 07:37
| Comentários fechados em Dois aviões utilizados na busca dos pescadores desaparecidos, mas sem resultados

buscasA Protecção Civil garantiu que as buscas dos dois pescadores, João Tavares de 39 anos e de Sabino Jesus de 52 anos, desaparecidos na madrugada desta terça-feira continuam e, pelas capacidades dos meios empregues nas buscas  há possibilidades de os encontrarem.

Os dois pescadores, João Tavares natural da ilha de Santiago e Sabino da ilha de Santo Antão, saíram para a faina na madrugada desta terça-feira numa embarcação de boca aberta e ainda não foram encontrados. Os familiares dos pescadores encontram-se aflitos pois, habitualmente, os marinheiros saíam para o mar de madrugada e regressavam ao meio dia, mas isso não aconteceu.

As operações de busca  iniciaram-se  ontem mas, até agora, sem sucesso. A autoridade marítima da ilha do Sal garantiu que todos os esforços estão a ser feitos no sentido de resgatar os dois pescadores.

Ontem as buscas foram suspensas devido ao mau tempo que não favoreceu, mas continuaram durante o dia de hoje. As autoridades tentam tranquilizar os familiares que se encontram aflitos dizendo que com  os meios empregues nas buscas  existem  possibilidades de encontrarem os pescadores desaparecidos.

Participaram  na busca duas embarcações sendo uma delas direccionada para sudoeste de Santa Maria e a outra para oeste, uma aeronave fez o patrulhamento da zona área. As embarcações e a aeronave estão em contacto via rádio VHF, fazendo de tudo para que sejam encontrados os pescadores.

Maria da Luz, esposa de Sabino, mostra-se angustiada e diz que estranha a demora da chegada do marido e do colega, porque às 12 horas, como era hábito, já se encontravam em terra, pois estiveram toda a noite à espera e, até agora, nenhuma notícia. Com muita fé e esperança, Maria da Luz diz que o marido e o outro marinheiro serão encontrados pois, juntamente com o marido, terão de terminar a construção da casa que já tinham iniciado.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.