Juiz manda jovem para prisão

9/01/2015 08:23 - Modificado em 9/01/2015 08:23

alcool + estradasO Tribunal da Comarca de São Vicente condenou um indivíduo a cumprir oito fins-de-semana consecutivos na Cadeia da Ribeirinha. O indivíduo estava a ser acusado de conduzir sob o efeito do álcool. No ano passado, o arguido tinha sido acusado do mesmo crime e voltou a sentar-se no banco dos réus sem ter terminado de cumprir a pena que estava suspensa.

O 2º Juiz Crime ordenou o encarceramento aos fins-de-semana do indivíduo surpreendido a conduzir sob efeito do álcool por duas vezes consecutivas. O arguido que é reincidente, é obrigado a comparecer na Cadeia aos sábados pelas dezoito horas e a ser solto na segunda às seis da manhã. O indivíduo deverá cumprir cinco meses de prisão, pena essa substituída por oito períodos de prisão de fim-de-semana.

O Juiz decidiu por esta medida, tendo em conta que o arguido tem família constituída e é trabalhador. Segundo o Juiz, o comportamento do arguido “foi uma conduta diabólica” e apela à reflexão, para que ele possa tomar consciência que o acto de conduzir sob o efeito do álcool pode levar à morte.

O arguido que confessou o crime diz que depois de ingerir bebidas alcoólicas resolveu dar uma boleia a um amigo quando foi abordado pela Polícia de Trânsito. Segundo o teste de alcoolemia realizado pela Polícia Nacional, o aparelho acusou 3,45 g de álcool no sangue.

  1. esses juízes de são Vicente só da atenção aos casos de droga, que direito humano é esse que governa nos nossos tribunais, eles que se preparem!!!!!!!!!!!!!! esses magistrados andam sempre cansados, muito cuidado com o dinheiro do povo que vocês ganham. Em quanto reinar essa lei que castigo dos funcionários públicos são promoções Cabo Verde não vai a frente, só na fila de miséria. Parece que eles te medo de cadeia. Mas vão ter de ir um dia com fé em Deus.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.