Pena suspensa para jovem que tentou sufocar a mãe com um travesseiro

6/01/2015 08:02 - Modificado em 6/01/2015 08:02

TribunalO Tribunal da Comarca de São Vicente entendeu aplicar a pena a um ano de prisão, traduzida em dois anos de pena suspensa ao jovem que tentou sufocar a mãe com um travesseiro. O jovem que é usuário de drogas estava a ser acusado da prática de crime de VBG contra a própria mãe.

O 1º Juiz Crime da Comarca de São Vicente aplicou pena suspensa de dois anos ao jovem que tentou matar a mãe. Uma mãe de 63 anos levou o filho a Tribunal acusando-o de Violência Baseada no Género de forma contínua.

A vítima que vive com o filho, conta que é espancada pelo filho de forma continua. No dia 30 de Julho de 2014, o filho chegou a casa embriagado, arrombou a porta, partiu os vidros da janela da casa e empurrou a mãe, desferindo-lhe uma garrafa na cabeça.

O arguido negou a prática do crime dizendo que ao chegar encontrou vestígios de sangue e como sabe que a mãe é usuária de bebidas alcoólicas, arrombou a porta para ver o que se estava a passar.

Muito indignada, a ofendida negou ingerir bebidas alcoólicas ao ponto de ficar embriagada e acrescenta que o filho não contribui para as despesas da casa mas quando bebe descontrola-se e parte para a violência em casa, tanto é que a casa não tem qualquer segurança porque as portas e os vidros das janelas foram partidas pelo próprio filho, o que a obriga a dormir em casa de vizinhos.

 A mãe acrescentou que muitas vezes accionou a polícia, mas que a situação tem sido muito complicada.

Com medida de pena suspensa, o Juiz aconselhou o arguido a seguir um programa de reinserção e tratamento de forma a combater o uso excessivo de drogas. O problema é se não segue o conselho de juiz e volta   a usar a almofada contra a mãe!

  1. anonimo

    como e possivel um filho tentar assasinar a propria mae,e o juiz simplismento aplica no individo dois anos de pena suspenso ,e que nao da para acreditar da prosima ele vai e matar a mae ou outra pessoa o lugar de bandidos e na prisao.injustica pa.

  2. PeterM

    Continuo sem entender patavina da justiça em Cabo Verde. Temos que esperar que ele sufoque a mãe de vez para o levar para o xadrez. Espero que nada de mau venha a acontecer a esta mãe.

  3. Em que pais estamos? A experiencia não mostra que as ameaças de suicidio,homicidio,violencia etc uma vez practicada ,vai-se repetir ate sua concretizaçao .

    Eu discordo da pena suspensa .

    tratamento compulsivo mais prisão.

    Falem com psicologos ,sociologos ,tecnicos sociais e nao se limitem apenas á interpretaçao da lei.

    A vida e uma escola ,sabiam…
    Alcinda Monteiro

  4. Antonio Rosario

    Sinto pena da mae porque ela esta sofrendo e podera ser morta se nao aplicar tratamento e prisao ao individuo. Infelizmente este e a realidade na nossa terra. Muito casos de violencia sao ignorados pelos juizes que somente estao preenchendo o dia. Este caso e semelhante ao da minha mae de 85 anos que sofria nas maos de um filho desde o ano the 2012 e com caso no tribunal. Pela ultima vez tive que evacuala para Praia porque ela poderia ser morta. Triste que a minha mae nao pode viver na sua ilha!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.