Série de atentados bombistas no Iraque faz 107 mortos

24/07/2012 02:00 - Modificado em 24/07/2012 02:00
| Comentários fechados em Série de atentados bombistas no Iraque faz 107 mortos

Há dois anos que não havia um dia tão sangrento no Iraque. Uma série de atentados bombistas fizeram esta segunda-feira pelo menos 107 mortos, avançaram as autoridades iraquianas.

Pelo menos outras 214 pessoas ficaram feridas nas 22 explosões registadas em Bagdad e outras 17 cidades, a maioria a Norte da capital iraquiana.

Tudo indica que o principal alvo sejam as forças de segurança, já que muitos dos mortos são militares, segundo os correspondentes da BBC no país.

Num dos ataques, contra uma base militar na província de Salaheddin, morreram pelo menos 15 soldados iraquianos. Outras bases foram atacadas com morteiros. Em vários postos de controlo da polícia houve explosões de carros armadilhados e um agente foi atacado na sua própria casa.

No domingo, um dia depois do início do Ramadão, tinha havido uma série de atentados a Sul de Bagdad. Morreram 17 pessoas.

Nenhum dos atentados foi reivindicado durante a manhã, mas a Al-Qaeda no Iraque anunciou que intensificaria a sua ofensiva.

No último mês, pelo menos 237 pessoas foram mortas e 603 outras ficaram feridas em ataques. Foi um dos meses com mais mortes desde a retirada das tropas norte-americanas .

 

 

 

pub.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.