Perseguiu e ameaçou de morte a ex-companheira

10/12/2014 07:33 - Modificado em 10/12/2014 07:33

vgbUm homem foi condenado a um ano e dois meses de prisão por prática do crime de VBG de forma contínua e por perseguir e ameaçar de morte a ex-companheira.

 

O 2º Juiz Crime da Comarca de São Vicente condenou um indivíduo a cumprir uma pena de um ano e dois meses de prisão. O arguido foi condenado outras vezes e estava a cumprir uma pena suspensa e, desta vez, estava a ser acusado da prática de crime de Violência Baseada no Género.

O arguido voltou a sentar-se no banco dos réus pelos mesmos actos e, desta vez, o Juiz teve mão pesada para com o arguido, ordenando a prisão preventiva. O indivíduo que já esteve preso por crime de furto terá de cumprir, mais uma vez, uma pena de um ano e dois meses de prisão na Cadeia da Ribeirinha.

O arguido tinha várias passagens pelo Tribunal e estava a cumprir uma pena suspensa pelo mesmo crime. A ofendida queixou-se várias vezes do arguido que foi apenas advertido das outras vezes.

A ofendida, ex-companheira diz que reside na mesma casa do arguido, pois partilham um quarto que lhes foi cedido por um amigo na sequência de um incêndio que deflagrou na casa da ofendida, onde moravam juntos.

A ofendida diz que embora partilhem o mesmo quarto, porque não têm condições de arcarem com uma renda de casa, não existe nenhuma relação marital entre eles, mas sente-se ameaçada de morte frequentemente e é agredida de forma contínua pelo arguido, motivo pelo qual já apresentou queixas contra o mesmo vezes sem conta.

  1. baldoque

    Afinal é Prisão Preventiva ou foi condenado? Sinceramente!!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.