Barbeiro acusado de roubar loja chinesa

24/11/2014 07:23 - Modificado em 24/11/2014 07:23
| Comentários fechados em Barbeiro acusado de roubar loja chinesa

tribunal mindeloO Tribunal da Comarca de São Vicente procedeu ao primeiro interrogatório de um barbeiro de 27 anos acusado da prática de crime de furto. O arguido terá sido surpreendido a subtrair um auscultador numa loja chinesa na ilha de São Vicente.

 

O 2º Juízo Crime da Comarca de São Vicente procedeu ao primeiro interrogatório do jovem barbeiro de 27 anos acusado de ter entrado numa loja chinesa à frente da Pracinha da Igreja e de ter subtraído um auscultador.

O arguido negou a prática do crime afirmando que teria entrado na loja chinesa para comprar um par de brincos e, ao sair do estabelecimento, foi empurrado por dois adolescentes que vinham a correr, deixando cair o auscultador aos seus pés. O mesmo justifica que os supostos gatunos não regressaram nem se mostraram interessados em reaver o auscultador, pelo que se apoderou do objecto uma vez que parecia não ter dono. No mesmo instante, o arguido foi detido pela Polícia Nacional.

O agente da polícia que deteve o arguido na altura afirmou que depois do assalto, o arguido terá fugido mas que foi detido pouco depois pela Polícia Nacional.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.