Inquilino agride senhorio com socos no rosto

14/11/2014 07:27 - Modificado em 14/11/2014 07:27

socoMário Fortes é proprietário de um prédio arrendado a um inquilino que o agrediu com socos no rosto quando lhe pediu para entregar a casa e exigiu receber o dinheiro da renda da casa.

 

Um inquilino terá agredido a soco o seu senhorio por este ter exigido o pagamento de três meses de atraso e ter solicitado que entregasse a casa.

Mário Fortes reside na zona de Lombo Tanque, mas também é proprietário de um prédio na zona de Chã de Alecrim. O ofendido diz ter sido agredido com socos no rosto pelo facto de ter exigido o pagamento da renda. Tudo aconteceu no passado sábado quando Fortes foi a casa para, mais uma vez, chamar a atenção do inquilino.

Não havendo entendimento, o inquilino avançou para Fortes agredindo-o com socos no rosto. Fortes conta ao NN que o inquilino deve três meses de renda e todos os meses é obrigado a deslocar-se até casa para exigir o dinheiro da renda, porque o inquilino recusa-se a atender ao telemóvel. O mesmo conta que todos os meses o inquilino promete fazer o pagamento ou de parte da dívida, mas tal não acontece.

Fortes diz que não existe nenhuma autoridade que defenda os direitos do senhorio o que motiva os inquilinos a fazerem das suas nas casas arrendadas apenas porque pagam um valor para lá estarem. No entanto, as casas ficam danificadas e ninguém se responsabiliza ficando o proprietário com o prejuízo.

Questionado se denunciou o caso às autoridades, Fortes mostrou-se incrédulo afirmando que “não é necessário porque não existe justiça para os coitados”.

  1. A quem do direito

    E preciso estabelecer um contrato por escrito legalizado no notario, ainda assim inquilinos não cumprem. Uma vez dada o tempo de partida, partem mais cedo deixando dividas, deixando grandes valores em faturas por pagar, patrimonio alheio sujo, partido e esburacado, pregos nas paredes, para alem de notorio falta de asseio. Outros fingem fazer obras por conta do proprietario a descontar nas rendas e o preço apresentado é 3x mais com faturas falsas. Um basta nisso! No entretanto, sempre janotas.

  2. a. sousa

    É sentindo coitado (sem direito à justiça) que os armados em esperto aproveitam.

  3. Renda

    Solução Inteligente! Manda dal porrada brava dipoz bu assumi ma foi bó. Assim direitos humanos ta garantiu uma boa defesa e ainda instalação penitenciária de elevada qualidade com café, almoço e jantar. Melhor solução de tirar bom dividendo com a nossa justiça.

  4. Jandira Lopes

    Desgraçado daquele emigrante que teve a infelicidade de alugar uma casa a um policia, que devia ser uma referencia exemplar, a um funcionário publico ou a outra pessoa com um certo peso na sociedade. Estes sao os piores. Têm contacto com a justiça, sabem que nao precisam pagar as rendas, sabem que podem destruir a casa a seu gosto, sabem que a Electra nao os castiga pois quem paga a sua divida avultada do consumo de electricidade quando saem é o coitado do proprietário e pior ainda se ele fôr emigrante e obrigado a estar longe da Terra Natal.
    Ainda dizem que somos um Estado de Direito. O que somos é uma Republica de Banana. Uma Republica de Banana onde a Justiça nao funciona e se funciona é para um grupo de amigos, clientes e familiares.
    Nós somos os “estrangeirados” portanto desprezados, vitimas a serem exploradas, humilhadas, renegadas e expoliadas.
    Foi o preco que pagamos por ter dado o nosso contributo após a independência para que Cabo Verde hoje atingisse o desenvolvimento que conseguiu.

  5. Vampira

    já estive na mesma situação e fui informada que nem a policia nem o tribunal não podia fazer nada. Fui ao tribunal e o inquilino não apareceu na audiencia. Ali recebi a informação que eu tinha de arranjar um advogado para que esse fizesse um processo de despenjo. Quer dizer que quem são os donos das casas são os caloteiros danificadores.

  6. Zangado

    Havia de ser comigo, aliás, eu até procuro estas situações para poder mostrar a estes espertinhos que nem todos são iguais. Estou trabalhando no duro aqui na europa e vou fazer as minhas casinhas e alugar e quero ver quem não vai querer pagar. E vou morar na baia e vão ter de levar-me a renda ali, porque senão muitos vão andar de moleta em SV e vão ficar sem mobilia que eu vou destruir tudo e nenhum babaca de juiz vai meter-se no meu caminho. Esperem por mim porque ja estou indo.

  7. MANANDO-COLUMBIM

    ZANGADO, bo pará de oiá filme seu OTÁRIO!!!

  8. DLRA

    Oh, Zangado dá volta bo ma bos casinha, Babaca!!!!!!!!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.