Israel nega entrada a comissão investigadora da ONU

13/11/2014 09:28 - Modificado em 13/11/2014 09:28
| Comentários fechados em Israel nega entrada a comissão investigadora da ONU

israelO Governo israelita recusou a entrada no país aos membros da comissão da ONU que deve investigar as acusações de crimes de guerra na última ofensiva militar contra Gaza.

 

“Uma vez que a Comissão não é uma comissão investigadora, mas sim uma comissão que, a priori, já tirou as suas conclusões (…) decidimos não colaborar com ela”, afirmou o Ministério dos Negócios Estrangeiros em comunicado difundido esta quinta-feira.

O comunicado refere que o único objetivo da comissão é o de dar uma “aparência” de investigação “antes de publicar as suas conclusões”.

O Conselho de Direitos Humanos da ONU decidiu criar a comissão em julho, antes do fim da ofensiva, com um mandato para investigar se os bombardeamentos e ataques do exército israelita em Gaza constituem crimes de guerra.

A Comissão é liderada por um perito canadiano em direito internacional, William Schabas. Os seus membros, que se encontram atualmente na Jordânia, pediram há dias autorização de Israel para entrar no seu território e dirigir-se à Faixa de Gaza, ainda que o Ministério dos Negócios Estrangeiros os tenha notificado de que o acesso tinha sido negado.

 

cm.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.