PN patrulha praias para evitar abate de tartarugas

20/07/2012 02:36 - Modificado em 20/07/2012 02:36
| Comentários fechados em PN patrulha praias para evitar abate de tartarugas

A ilha de São Nicolau acolhe uma campanha de protecção de tartarugas, com o objectivo de sensibilizar as populações para a defesa da espécie. Porque é neste período que estes animais marinhos procuraram as praias da ilha para fazer a desova. Por isso promotores da acção querem que as tartarugas façam a sua nidificação sem sobressaltos, bem como evitar a comercialização da carne deste animal na ilha do Chiquinho.

 

As praias, na ilha de São Nicolau, onde as tartarugas fazem as posturas dos ovos passarão a ser vigiadas para evitar a captura desses animais marinhos, por parte das populações. As câmaras municipais, as entidades ligadas ao mar, a Polícia Nacional e os centros de saúde organizam uma campanha de protecção durantes os meses de Julho, Agosto e Setembro, tido como o período da nidificação desses animais marinhos nas praias de Cabo Verde.

De acordo com os responsáveis do projecto, a Ilha de São Nicolau integra o grupo das ilhas no país, onde acontece o maior número de desovas. Sendo que na ilha existem cerca de dez praias onde se regista a postura de tartarugas, sendo as de Baixo de Rocha, Praia Grande e Barril, no Município do Tarrafal, aquelas com mais registos de nidificação.

A campanha terá efeito de preservação das espécies que aportam na ilha, mas também um plano de sensibilização das comunidades, em relação a captura da tartaruga, que afigura-se ser um crime punido pela lei. Já a Polícia Nacional passará patrulhar todas as praias da ilha para evitar a caça deste animal, que se encontra em vias de extinção. Mas o NN sabe que na ilha de São Nicolau a captura das tartarugas não é encarada como actividade económica. Isto porque a captura desses animais marinhos constitui uma suporte alimentar de muitas famílias, ou seja é uma “questão meramente tradicional”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.