Operação Perla Negra: Director-geral da PJ preocupado com as G3 encontradas

11/11/2014 07:11 - Modificado em 11/11/2014 07:16

Armas Perla NegraO Director-geral da Polícia Judiciária, Carlos Reis, mostra-se preocupado com as armas encontradas durante a operação do fim-de-semana relacionada com a operação “Perla Negra”. Durante a operação, foram encontradas duas metralhadoras G3, armas de guerra que a PJ não tem no  seu  arsenal.

 

Carlos Reis disse à RCV que esta questão deixa-o “consciente e preocupado” com o que tem pela frente. “A primeira coisa quando encontramos armas deste tipo no tráfico transnacional, é que estamos numa fase de riscos acrescidos de gente disposta e capaz de assumir actos de grande violência”, sublinha Reis.

Reitera o compromisso da PJ para com a sociedade de combater a criminalidade e que o sucesso da operação, até agora, é mais do que uma resposta, é um “compromisso permanente”. Garante que como instituição, a PJ não vai cair mas “fazer face ao que extrapola a criminalidade do dia-a-dia”.

  1. MARIA

    A judiciaria tem que começar a investigar alguns militares de patente bem alta
    Alguns andam metidos nesta criminalidade

  2. José Rodrigues

    Bom trabalho da nossa PJ. Um orgulho para todos nós. Pena as nossas molduras penais serem do tempo da velha carochinha, beneficiando, mais, aqueles que infringem as Leis. è só ver o que vai por aí de T I R.

  3. Naiss B. - são pedro

    Bocés preguntá zidora de Salamanssa ! El sabé drêtim!!!!…

  4. fernando nascimento

    As investigações tem que ser levadas ao fundo para saberem onde é que vieram aquelas armas G3 e respectivas munições. Nos nossos quartéis há muitas e como sabemos está cheia de pessoas desonestas.

  5. Cidadão Mindelense

    Parabens pela PJ pela grande apreensão dos traficantes, mas continuo desafiando a PJ pelos crimes que estão ainda por descobrir aqui em São Vicente e esperamos que os culpados venham a ser culpados pelos crimes que cometeram, pelo bom nome da instituição.

  6. Txicau

    Ho nha maaaaa NICE B- s.pedro, bo ê diabe hein!!!!!!

  7. S. Magalhaes

    Obrigado Pj, mas até agora ainda não conseguiram desvendar ou justificar um dos maiores parque automóvel de Cabo Verde que se encontra em S. Vicente, e está à vista de todos que até é um atentado à pobreza num país como o nosso.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.