Wen Jiabao abre os cordões da bolsa a JMN

20/07/2012 02:18 - Modificado em 20/07/2012 02:18
| Comentários fechados em Wen Jiabao abre os cordões da bolsa a JMN

Wen Jiabao, o Primeiro-ministro da República Popular da China, anunciou em Pequim que o seu governo vai disponibilizar mais de um bilhão e meio de escudos para financiar programas e projectos do Estado de Cabo Verde.

 

O montante vai direito para os programas de desenvolvimento a serem equacionados pela Comissão Mista China/Cabo Verde, em, data ainda a determinar. E, desse montante, 731 milhões de escudos são empréstimos isentos de juros. O anúncio foi feito no âmbito da visita que José Maria Neves efectua à China, desde a última terça-feira, na qual foram apresentadas várias propostas ainda dependentes da “avaliação” e “aprovação” das autoridades chinesas.

As propostas apresentadas pelo Governo de Cabo Verde apostam na modernização do país, nomeadamente no que respeita ao turismo, transportes aéreos, economia marítima, tecnologias de informação, energia e ensino universitário.

A cooperação entre a Republica Popular da China e Cabo Verde datam dos tempos da luta de libertação nacional .O executivo cabo-verdiano tem defendido uma aproximação maior a China como forma de diversificar os seus parceiros . Em São Vicente os chineses já estão a usar os estaleiros da CABNAVE e tudo indica que após a privatização dessa infra-estrutura a frota de pesca chinesa no Atlântico ficará baseada no Mindelo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.