Vox populi: Justiça só no papel

31/10/2014 07:30 - Modificado em 31/10/2014 07:30

justiça3São várias as vozes que dizem que em Cabo Verde não há justiça ou que, se existe, precisa de maior destaque.

Questionados sobre o estado da justiça em Cabo Verde, muitos são aqueles que dizem que esta não existe  justiça em na nossa terra

Segundo declarações dos mindelenses entrevistados por este online, em Cabo Verde a justiça existe só no papel, porque conforme os entrevistados, vêem-se diversas situações de injustiça no nosso país, a começar pelos empregos. Muitos são aqueles que se sentem injustiçados nos próprios postos de trabalho.

A justiça é considerada por muitos como algo que existe, mas que na prática não tem nenhum valor. Por isso, estão cépticos a ponto de afirmarem que em Cabo Verde a justiça é feita tendo em conta o bem comum.

“Vemos todos os dias funcionários ligados à justiça cabo-verdiana a reclamarem das condições em que trabalham, a falta de interesse dos órgãos competentes que vão ao Parlamento discutir a situação da justiça em Cabo Verde”, diz o entrevistado Jorge Delgado. “Em Cabo Verde, vemos a justiça posta em prática apenas dentro do Parlamento, durante as discussões e nada mais”, realça.

Os mindelenses acreditam que o Governo está a falhar na questão da política judicial em Cabo Verde, esquecendo-se que esta questão é essencial para o desenvolvimento do país. De acordo com os entrevistados, é necessária a criação de um novo sistema judicial. A questão das pendências e da morosidade de alguns casos deve ser resolvida de uma vez por todas.

Na abertura da sessão de Outubro na Assembleia Nacional, o Ministro da Justiça, José Carlos Correia, citado pelo ‘Notícias ao Minuto’ diz que este sector em Cabo Verde é lento, mas nos últimos anos tem-se notado um aumento da produtividade do sistema judicial cabo-verdiano. No entanto, realça que ainda existem muitos desafios a serem superados.

  1. Eduardo Oliveira

    Ê verdade !!!
    Justiça so nos Côdigos. E a sua interpretação é… consoante.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.