Ribeira Brava: Cidadão em greve de fome devido a uma construção à frente da sua casa

21/10/2014 07:21 - Modificado em 21/10/2014 07:21

greve advogadosJoão de Deus dos Santos está desde da manhã do dia 20 em greve de fome à frente do Gabinete Técnico da Câmara Municipal da Ribeira Brava, S. Nicolau . O cidadão está em protesto devido a construção de uma moradia à frente da sua casa que  o grevista considera ilegal. Por outro lado o Gabinete Técnico alega que não há ilegalidade na construção da referida moradia.

 

João de Deus dos Santos diz à RCV que está a fazer a greve de fome em acto de desespero e acrescenta que não tem dinheiro para pagar um advogado, logo não tem outra  alternativa senão recorrer a greve de fome. Isto porque João de Deus dos Santos alega que está à espera da intervenção da Casa do Direito e que não teve alternativa senão recorrer a greve, porque o Gabinete Técnico “fechou a porta da minha casa” com a autorização da construção da moradia.

Ao contrário das razões que levaram a greve de fome do cidadão da Ribeira  Brava, S. Nicolau  o Gabinete Técnico através da arquitecta Arcília Lopes refuta as alegações do grevista e afirma que “ não há ilegalidade na construção da moradia”.  Arcília Lopes realça que “o Gabinete Técnico juntamente com a Casa do Direito e a pedido do Sr. João deslocamos ao local no sentido de se aferir que não haveria nenhuma ilegalidade com esta construção” e acrescenta que é uma zona de loteamento, logo cada um tem o seu lote e tem direito a sua construção e esta está dentro da regulamentação da construção civil. Porém João de Deus dos Santos diz que só suspende a greve de fome quando  a situação for  resolvida.

  1. ze

    autentica palhaçada uma greve sem sentido nenhum

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.