PJ e MP apresentam ao Tribunal casal suspeito de transaccionar milhares de escudos ilegalmente

17/10/2014 07:54 - Modificado em 17/10/2014 12:47

saco dinheiroA Polícia Judiciária e o Ministério Público  em São Vicente acreditam que conseguiram  apanhar  o casal , Aldina Delgado  e Adilson Delgado suspeito de  transaccionar milhares de escudos ilegalmente .

 

A PJ no seu comunicado fala em lavagem de capitais  e  esclarece que detenção resultou de um trabalho da Brigada de Investigação de Tráfico de estupefacientes e crime organizado, do Departamento de Investigação Criminal do Mindelo, numa acção conjunta com o Ministério Público, com o objectivo de combater a lavagem de capitais.  A PJ realizou buscas nos dias 15 e 16 a três residências e acredita estar na posse de provas que possam incriminar os suspeitos. Mas  estes foram  ontem apresentados ao juiz  que  aplicou a medida de coacção menos gravosa – Termo de Identidade e Residência e pagamento de uma caução

O NN ainda não conseguiu apurar os montantes envolvidos e nem como se “processou a lavagem de capitais”, apenas temos a versão da PJ que adianta que as contas dos arguidos foram congeladas. O NN sabe que  Aldina Delgado, é  uma  ex- funcionária  do  BCA

 

corrigido as 12h 47 m

  1. anete Vital

    Lamento o que sucede ao casal que fica marcado pela vida fora enquanto os mandantes estejam a passear em carros de luxo. Mas hà que ver a outra face da estôria.
    Devemos todos dar a mão para enfrentar o mal e o que de pior serà pelos nossos filhos em especial e pela jovem Nação em geral.
    Talvez este exemplo faça pensar outros mais que preferem uma vida mais serena.

  2. il

    Agora deviam investigar a Sra Anete Vital, porque ela até sabe que existem pessoas que supostamente eram mandatários das transações, não acham?? ABRE O OLHO PJ.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.