Roubo e destruição de cabos eléctricos deixa moradores sem energia eléctrica

9/10/2014 07:35 - Modificado em 9/10/2014 07:35
| Comentários fechados em Roubo e destruição de cabos eléctricos deixa moradores sem energia eléctrica

roubo de cabos electricosOs moradores de Alto Bomba em São Vicente estão insatisfeitos e preocupados com os frequentes cortes de energia provocados pelo roubo de cabos de energia eléctrica.

 

A Electra está a ser penalizada com os frequentes roubos de cabos eléctricos. Pessoas não identificadas decidiram roubar cabos eléctricos para extraírem o cobre com destino ao comércio de ferro-velho.

Na zona de Alto Bomba há frequentes cortes de energia eléctrica provocados pelo roubo dos cabos eléctricos. Os moradores estão insatisfeitos com a situação e dizem que o roubo dos cabos acontece sobretudo de madrugada nos fins-de-semana. Os larápios cortam os fios dos postos e deixam o resto no chão tornando-se perigoso para qualquer pessoa que passe pela rua.

Os moradores temem consequências maiores. Arlinda conta que os larápios destroem os cabos com alicates para extraírem o cobre dos cabos para serem vendidos nos chamados ferros-velhos. Para Arlinda, o roubo e a destruição dos cabos de energia não só prejudica a Electra, mas também coloca em risco a vida dos moradores.

Lúcia Neves diz estar preocupada com a situação tendo em conta que acontece frequentemente e que as autoridades não fazem nada para pôr cobro à situação. Os moradores afirmam terem accionado a Electra várias vezes através do telefone, mas esta só chegou ao local horas depois do sucedido.

António diz que os cortes de energia na zona são frequentes, mas não tinha conhecimento de que a causa dos cortes tinha origem no roubo dos cabos eléctricos.

Os moradores apelam às autoridades para tomarem medidas porque, como afirmou António, “o comércio do ferro-velho tem vindo a prejudicar muitas pessoas, mas nunca pensou que os larápios chegassem ao ponto de destruir os cabos eléctricos colocando a vida das pessoas em risco”.

É de realçar que os cabos eléctricos utilizados na distribuição da energia eléctrica são dispendiosos, mas o preço do cobre no comércio das sucatas tem um preço muito baixo que está longe do preço real do material no mercado.

Contactámos o Eng.º Ricardo Martins, responsável pela distribuição de energia da Electra Norte, mas sem sucesso.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.